A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

05/02/2018 17:01

Polícia ainda não prendeu motociclista que atropelou menina de 3 anos

Acidente ocorreu na noite de sábado (3) e vítima morreu na manhã desta segunda-feira na Santa Casa

Guilherme Henri
Bianca tinha completado 3 anos no dia 13 de janeiro (Foto: reprodução/Facebook)Bianca tinha completado 3 anos no dia 13 de janeiro (Foto: reprodução/Facebook)

Caio Alves de Souza, 18 anos, principal suspeito de atropelar uma menina de 3 anos continua foragido. O GOI (Grupo de Operações e Investigações) confirmou a informação na tarde desta segunda-feira (5) e adiantou que equipes continuam nas ruas na tentativa de encontrar o motorista.

A investigação ficará a cargo do delegado Gomides Ferreira dos Santos, da 7ª Delegacia de Polícia da Capital. Porém, até o fim desta tarde, o caso ainda não havia chegado na delegacia, segundo a informação prestada no local.

Bianca Amaral Nogueira morreu na manhã de hoje na Santa Casa de Campo Grande. Ela foi atropelada na noite de sábado (3), por uma motocicleta Honda Biz que seguia na contramão, de acordo com os avós da criança. O acidente aconteceu na noite de sábado (3), na Avenida Cezar Augusto Teles, na Vila Popular.

Ao Campo Grande News, os avós Araci Conceição Amaral, 52 anos, e José Alberto Nogueira, 48 anos, disseram que a mãe Juliana Amaral Padia chegava em casa junto com a filha e havia acabado de abrir o portão, quando a menina escapou e saiu em direção à rua.

Bianca acabou atropelada por Caio, que segundo os avós da vítima, seguia na contramão. “Se tivesse na mão dele, o acidente não teria acontecido. Ele nem chegou a cair da moto, apenas se desequilibrou e seguiu em frente”, relatam os parentes.

Segundo a família, o jovem é muito conhecido no bairro. O pai dele tem um bar na região. Após o atropelamento, o pai de Bianca chegou a ir na casa do rapaz, mas ninguém foi encontrado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions