ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Polícia ainda não tem pistas de grupo que perseguiu e baleou mulher após briga

Por Bruno Chaves | 05/12/2013 18:15

A Polícia Civil de Campo Grande ainda não tem pistas do grupo que perseguiu e feriu a jovem Roane Pires Correia, 21 anos, com um tiro no pé depois de uma confusão na conveniência Big Festas da Avenida Mato Grosso, no bairro Carandá Bosque, ocorrida na noite de ontem (4).

Roane foi levada para a Santa Casa da Capital e aguarda vaga no Centro Cirúrgico. O estado de saúde dela é estável. A paciente segue consciente e orientada, informou a assessoria de imprensa do hospital.

A vítima foi baleada no pé direito depois de dar carona para um homem que havia sido agredido por um grupo na conveniência. A confusão teve início quando André Luiz de Castro Vilhena, 34, interveio numa discussão entre um homem e uma atendente do estabelecimento.

O boletim de ocorrências informa que o agressor não gostou da atitude de André e desferiu um soco contra ele, que também teria sido agredido por um grupo de amigos do rival.

Roane ofereceu ajuda para André. Os dois entraram no carro dela e saíram do local. No caminho, o VW Gol da mulher foi perseguido por um VW Golf na cor vinho e um dos ocupantes efetuou vários disparos. Após a perseguição, os homens fugiram.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário