A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

09/05/2014 08:54

Polícia deflagra ação após monitorar possíveis crimes contra mulheres

Graziela Rezende

Deflagrada esta semana para prender agressores de mulheres, a operação Dia das Mães teve início após a Polícia ter conhecimento de ameaças direcionadas à instituição e vítimas. Segundo a delegada Rosely Molina, titular da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), a inteligência do órgão constatou que alguns homens já programavam agredir e até matar algumas mulheres no domingo (11).

“Nós obtivemos essas informações, com o apoio do serviço de inteligência. Aliado a isso, recebemos na delegacia a ligação de uma vítima, comentando que o ex entrou em contato, falando que iria fazer barulho no Dia das Mães, mostrar quem manda e que a Polícia não prendia ninguém”, afirma a delegada.

Ao todo, 13 pessoas foram presas. Seis já estavam condenados pela Justiça e outros sete foram detidos por meio dos mandados de prisão. Há 15 dias, a Deam realizou um levantamento sobre o endereço residencial e até do trabalho desses autores. Eles têm idade entre 18 e 60 anos.

Os nomes são: Adriano da Silva Ferreira, Hélio Pereira de Oliveira, Fábio Assis, Isaías Pessoa de Oliveira, Jorge Luiz Nogueira Júnior, José Evandro Ribeiro Mendonça, Leandro Luciano Pereira, Lucílio dos Santos, Ranolfo Rulfio Neto, Roberto Fernandes Pucharelli, Romis Rodrigues Cavalcante da Silva, Robson Douglas de Freitas e Claudio Balbino da Silva.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions