A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

17/09/2015 11:07

Polícia descobre assassino de homem que ficou com faca cravada no peito

Luana Rodrigues

A Polícia Civil descobriu o autor da morte do morador de rua José Wellington Cardoso da Silva, 61 anos, na noite do dia 14 do mês passado, na Rua Presidente Vargas, esquina com a Rua Machado de Assis, no Bairro Santo Amaro. Ele levou três facadas e ficou com a arma cravada no peito depois de um desentendimento com outro morador. Os dois dormiam na varanda de um imóvel em frente ao Cemitério Santo Amaro.

Conforme o delegado da 7ª Delegacia de Polícia Civil, Paulo Henrique Sá, por meio de testemunhas e investigação no local do crime, a polícia concluiu que Airton Antonio da Silva Brito de 46 anos, que tem como profissão "faqueiro", é quem teria matado José, depois dos dois discutirem por causa de uma televisão. A vítima terio agredido o autor com uma corrente, após isso ele saiu do local, depois voltou com uma faca e cometeu o crime.

Foram três facadas no tórax da vítima, que chegaram a atingir o coração. No dia do crime, os Bombeiros e o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados, mas nada puderam fazer, uma vez que o homem já estava morto, e nem puderam retirar a faca, que atingiu o coração.

Logo após o crime, Airton fugiu e até agora não foi encontrado. Ela já era considerado foragido, pois estava cumprindo pena no regime semiaberto pelo crime de furto. A Polícia Civil agora procura pelo acusado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions