ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEXTA  24    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Polícia prende tio e sobrinho com quase R$ 100 mil escondidos em boca de fumo

Além do dinheiro, foram apreendidas drogas, armas e dois carros

Por Jhefferson Gamarra | 04/08/2021 21:19
Valor em dinheiro, armas e drogas apreendidas. (Foto: Divulgação)
Valor em dinheiro, armas e drogas apreendidas. (Foto: Divulgação)

Tio e sobrinho foram presos por tráfico de drogas nesta quarta-feira (4), no Bairro Moreninha, em Campo Grande. A dupla foi detida pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar durante Operação Hórus.

O tio, identificado como Claudinei Honório, 45 anos, foi abordado em um veículo Voyage no Bairro Nova Capital. Durante abordagem, Claudinei informou que estava foragido do sistema prisional semiaberto e que o seu sobrinho, identificado como Linniker Cardoso, 20 anos, estava dormindo em sua casa, pois estava sendo procurado pela polícia.

A equipe do Choque foi até a residência, localizada na Moreninha, informada por Claudinei, onde encontraram o sobrinho dormindo em um dos quartos. Na casa, foram encontrados dois tabletes de cocaína e várias porções de 100 gramas preparadas para a venda.

Dupla foi encaminhada para Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico. (Foto: Divulgação)
Dupla foi encaminhada para Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico. (Foto: Divulgação)

O sobrinho informou aos policiais que era o proprietário da droga, porém, no quarto do tio, também foram encontradas novas porções de cocaína em uma pochete e uma balança de precisão. Claudinei informou aos policiais que apesar de não ser proprietário das drogas, tinha conhecimento de que o sobrinho comercializava os produtos na residência.

Após as buscas, Claudinei indicou um imóvel de sua propriedade no Jardim Pênfigo. Na casa, que estava abandonada, foram encontrados diversos tabletes de maconha escondidos em um saco.

No total, foram encontrados no imóvel um total de R$ 95.147 em espécie, 3,7 quilos de cocaína, 14 quilos de maconha, um revólver calibre 38 e uma espingarda calibre 12. O sobrinho informou ainda a existência de um veículo Celta e um Peugeot 207, que foram adquiridos com o dinheiro da comercialização das drogas.

Os valores e bens apreendidos foram encaminhados para a Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar), juntamente com os presos.








Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário