A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 15 de Setembro de 2019

13/10/2014 17:29

Polícia vai investigar se cadáver tem relação com chácara roubada

Lidiane Kober
Em caso de suspeita de homicídio, delegado vai abrir inquérito (Foto: Marcelo Calazans)Em caso de suspeita de homicídio, delegado vai abrir inquérito (Foto: Marcelo Calazans)

O delegado Weber Luciano de Medeiros vai investigar se a invasão e furto de uma chácara, na região do Bairro São Francisco, tem relação com a morte de um homem, de cor negra e entre 30 a 40 anos, encontrado nesta segunda-feira (13).

Após sentir por mais de 48 horas um forte mau cheiro, o pedreiro Paulo Spindola, de 30 anos, se rendeu à curiosidade, entrou em área de mata fechada, em frente à sua residência, e se surpreendeu com o cadáver.

O homem foi localizado em um matagal, na Rua Teodomiro Serra, esquina com a Avenida Ernesto Geisel, no Bairro São Francisco. De acordo com a PM (Polícia Militar), com base no estado de decomposição, o corpo está por lá há cinco dias.

“Uma chácara próxima ao local foi invadida e roubada dias atrás, vamos apurar se morte tem a ver com o crime”, informou o delegado.

Ele aguarda a perícia chegar para fazer levantamento do local. Depois, o corpo será encaminhado ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e o exame necroscópico vai detalhar se tem algum tipo de ferimento. Em caso de suspeita de homicídio, será instalado inquérito civil.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions