A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

25/08/2018 10:38

Prefeito quer colocar mil novas placas de ruas até o final do ano

Intenção é renovar as placas para melhorar a identificação nos bairros de Campo Grande

Leonardo Rocha e Mayara Bueno
Prefeito Marquinhos Trad (PSD) instalando placa no bairro Maria Aparecida Pedrossian (Foto: Mayara Bueno)Prefeito Marquinhos Trad (PSD) instalando placa no bairro Maria Aparecida Pedrossian (Foto: Mayara Bueno)

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) lançou nesta manhã (25), no bairro Maria Aparecida Pedrossian, o projeto “ Identificando as ruas de Campo Grande”, onde pretende colocar até o final do ano, mil novas placas nas vias públicas da cidade, em diferentes regiões. A meta é chegar a 10 mil (placas) até o final do seu mandato.

Ele explicou que a colocação das novas placas se trata de uma “medida urgente” para atender a população de Campo Grande, assim como as pessoas que vem visitar a cidade, e precisam de uma boa localização, ao passar por diferentes bairros e área central. “Até no centro nós notamos que falta identificação, a última vez que fizeram foi na gestão do Nelsinho (Trad), com quatro mil (placas), por isto precisava desta renovação”, disse Marquinhos.

O projeto começou pelo bairro Maria Aparecida Pedrossian, e vai seguir para o Aero Rancho, Lageado e Noroste. As novas placas serão colocadas nos postes, em altura considerável para evitar vandalismo e ser de fácil visualização ao entrar nas vias públicas. “Foram dois meses de levantamento para identificar os locais mais críticos”, disse o secretário da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), Luis Eduardo Costa.

O secretário adiantou que já foram instaladas mais de 30 placas, nos dois últimos dias. Elas terão informações como o nome da rua, bairro e o CEP. “Há seis anos não era feito este serviço, precisamos correr atrás deste tempo perdido”. Ele citou que a empresa Zoom ainda deve arcar com a colocação de 6 mil placas, devido decisão judicial. (Confira o vídeo abaixo)

Escola O prefeito ainda lançou no local, o 14º núcleo da Escola Pública de Futebol, que vai atender crianças do bairro Maria Aparecida Pedrossian. O diretor-presidente da Funesp (Fundação Municipal de Esporte e Lazer), Rodrigo Terra, revelou que com esta nova unidade já são 3 mil (crianças) atendidas por este programa, sendo metade de mulheres.

O projeto atende crianças de 10 a 14 anos, neste projeto que visa incentivar a prática de esportes em diferentes bairros da cidade. As aulas vão ocorrer duas vezes por semana, no horário diferente da escola.

Os parceiros da iniciativa privada (Sicred e Copagaz) é quem fornecem as bolas, redes e uniformes para as crianças e que os professores que trabalham fazem parte da equipe da Funesp, assim como ex-jogadores que contribuem nos treinamentos e passam suas experiências nas quatro linhas. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions