A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/07/2012 12:33

Prefeitura entrega em novembro Orla Ferroviária, segundo Trad

Paula Maciulevicius

Também está prevista para a mesma época a entrega da Orla Morena II e da 1ª Etapa do Centro de Belas Artes

Orla Ferroviária chega a quatro meses da entrega com mais da metade da obra concluída. (Foto: Minamar Júnior/Arquivo)Orla Ferroviária chega a quatro meses da entrega com mais da metade da obra concluída. (Foto: Minamar Júnior/Arquivo)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB) anunciou na manhã de hoje que entrega as obras da Orla Ferroviária, Orla Morena II e a primeira etapa do Centro Municipal de Belas Artes em novembro.

Cumprindo a agenda de compromissos públicos, Trad fiscalizou as obras pela manhã. “A entrega fica da segunda quinzena de novembro pra frente”, disse.

A Orla Ferroviária, para onde devem ser transferidos os donos de traillers que ficavam na Afonso Pena, já tem metade da obra concluída. A intervenção é no trecho dos antigos trilhos entre as avenidas Afonso Pena e Mato Grosso.

Dentro do cronograma, já estão implantados a ciclovia de 1 quilômetro, drenagem e iluminação. O serviço entrou na fase de acabamento no trecho entre a avenida Afonso Pena e a rua Marechal Cândido Mariano com o plantio de grama e árvores.

Entre a rua Cândido Mariano e a avenida Mato Grosso está quase pronto o assentamento de pedra portuguesa na ciclovia, calçadas e rampas executadas dentro das normas de acessibilidade, execução de escadas, instalação de proteção lateral nos taludes, rampas e escadas, conclusão das áreas de estar com o assentamento de porcelanato e instalação dos bancos e pergolados, além do deck de madeira sobre a estrutura metálica dos viadutos e a passarela para passagem de pedestre.

Orla Morena-A segunda etapa da Orla Morena começa na rua Eça de Queiroz, margeia a avenida Euler de Azevedo, prossegue no viaduto sobre a avenida Ernesto Geisel, passa nos fundos de onde está sendo construído o Centro Municipal de Belas Artes até chegar à rua Plutão.

O projeto prevê academia ao livre e instalação da “pedra”, área para venda de veículos extinta da avenida Afonso Pena após a revitalização.

Nas orlas Morena II e Ferroviária foram investidos R$ 16 milhões. A ferroviária já tem metade da obra concluída, composta pelo trecho dos antigos trilhos entre as avenidas Afonso Pena e Mato Grosso.

Construído em duas etapas, o Centro Belas Artes terá parte inaugurada em novembro. (Foto: João Garrigó/Arquivo)Construído em duas etapas, o Centro Belas Artes terá parte inaugurada em novembro. (Foto: João Garrigó/Arquivo)

Antiga rodoviáriaO Centro Belas Artes está sendo erguido no prédio inacabado onde seria construído o Terminal Rodoviário, na avenida Noroeste, esquina com a rua Eça de Queiroz. Todo o projeto tem um investimento total de R$ 28,8 milhões.

Com uma área construída de 11 mil m², onde as diversas manifestações artísticas e culturais terão espaço adequado para o desenvolvimento de seus trabalhos e suas apresentações públicas.

Funcionarão no local o Centro de Música Municipal Ernani Alves Corrêa, que agrupará a Escola de Música, a Banda Municipal, a Orquestra Sinfônica Municipal e o Coro Municipal; a Companhia Municipal de Dança; as oficinas de Artes Plásticas e Artesanato; a Pinacoteca Municipal e a Escola Municipal de Teatro.

As etapas 1 e 2 do Centro, que contemplam a construção e instalação do prédio, estão em andamento, com o custo de R$ 9,7 milhões, sendo R$ 8,7 milhões repassados pelo Ministério do Turismo e cerca de um milhão de reais como contrapartida da prefeitura.



Quando comecei a ler a reportagem fiquei super feliz, pois moro na região e agora com a inauguração das obras nosso bairro vai ficar muito mais valorizado. Mas, quando lí que a antiga "pedra" que antes era na Av. Afonso Pena, será instalada no bairro, confesso que fiquei bastante decepcionada. Moradores da região nao podemos deixar isso se concretizar, vamos lutar até o fim.
 
Vera Lúcia em 03/07/2012 07:33:01
Parabéns prefeito Nelsinho, moro na região da Euler de Azevedo, desde 1976, quem
conheceu essa região nesta época e ver o que está sendo feito agora, só posso dizer
que está lindo. Parabéns
 
cleide milanesi em 03/07/2012 06:19:14
Concordo com o Gilberto Amaral. A "Pedra" era um lugar que já deveria ter sido extinto pela POLÍCIA faz tempo. Ambiente de negócios escusos e ilegais, era um péssimo exemplo para nossa cidade, Pessoal do Cabreúva, grita alto sobre isso!
 
Gustavo Ribeiro em 03/07/2012 06:09:12
Tudo legal, mas cadê os estacionamentos para os automóveis? Os usuários sai do seu bairro no seu automóvel vai deixar onde? Os mesmos não pode deixar seu patrimônio a mercê de ladrões para passear na orla.
 
José Ferreira Rosa em 03/07/2012 05:41:29
Com certeza a Orla morena II vai ficar linda só que o prefeito não pensou nos idosos da região da Vila Esplanada(que diga-se de passagem a maioria são idosos) terão que dar uma volta enorme para chegar na 14 de julho, pois foi tudo cercado, o que adianta ser bonito mas não ter acessibilidade, respeito e gosto do Nelsinho mas estrou triste com essa atitude, deixou o trem e excluiu os idosos.
 
Telma Regina em 03/07/2012 05:07:05
E aquela área do antigo trilho que fica na Rui Barbosa, passa proximo ao Atacadão, ficou um lixão a ceu aberto, com sucatas de carros abandonados e material retirado de construção, será que a prefeitura vai revitalizar?
 
Luiza rocha em 03/07/2012 04:40:38
Estava perfeito demais pra ser verdade.Instalar a "pedra" na Orla Morena, região do Cabreúva, só pode ser brincadeira de péssimo gosto do Sr. Prefeito.O novo espaço já vai nascer condenado.Espero que os moradores da região se mobilizem e façam alguma coisa!!!!!
 
Gilberto Amaral em 03/07/2012 04:20:56
Vai ficar uma maravilha quando a orla morena ficar totalmente concluída. Totalmente eu quero dizer com o término do centro de belas artes pronto. E aquele projeto de continuação da orla atrás da feira central. Vai ficar muito lindo.
 
Paula Lutero em 03/07/2012 02:01:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions