ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, TERÇA  20    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Prefeitura mantém toque de recolher por mais 15 dias, mas em novo horário

Diário oficial que trará detalhes da renovação deve ser publicado ainda hoje; validade é entre 01 e 05 horas até 15 de outubro

Por Lucia Morel | 29/09/2020 15:35
Guarda Municipal é responsável pela fiscalização dos estabelecimentos que devem cumprir a medida de restrição. (Foto: Divullgação Guarda Municipal)
Guarda Municipal é responsável pela fiscalização dos estabelecimentos que devem cumprir a medida de restrição. (Foto: Divullgação Guarda Municipal)

O toque de recolher em Campo Grande vai continuar por 15 dias, mas em período bem reduzido – entre 01 e 05 horas da manhã. O titular da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana), Luís Eduardo Costa, afirma que após esse período, a manutenção do tempo de resguardo obrigatório será reavaliado.

Segundo ele, a análise que está sendo feita para que mais locais e serviços possam funcionar por mais tempo, é a adequação da cidade e dos estabelecimentos às medidas de biossegurança. “O que conseguimos no planejamento e no aparato das empresas às medidas de saúde se estendeu”, disse.

No entanto, ele avalia que apesar da flexibilização no toque de recolher, a verificação tanto na adequação dos espaços quanto no número de casos, é algo que “vamos ter que ficar de olho sempre” e não é descartada a possibilidade de que diante das situações, haja ampliação da medida.

O secretário ainda destaca que na Capital o toque de recolher não tem sido como em outras localidades, onde há um “vai e vem” de afrouxamento e endurecimento de ações para conter a proliferação do novo coronavírus. “Foi mais contínuo”, sustentou.

O novo período do toque de recolher em Campo Grande começa dia 1º de outubro e segue até 15 do mesmo mês. Após isso, será novamente avaliada a necessidade de manter, encerrar ou ampliar a medida.

Vale enfatizar que maioria das pessoas que responderam enquete do Campo Grande News são a favor de que haja toque de recolher. Leia mais aqui.

Em edição extra do Diário Oficial de Campo Grande publicada esta tarde pela prefeitura, a administração municipal ampliou o período de jornada de trabalho excepcional - home office - dos servidores municipais até 31 de outubro. Já o novo decreto do toque de recolher deve sair em outra edição extra, ainda hoje.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário