A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

12/09/2017 14:03

Prefeitura notifica dogueiros para deixarem canteiro na Mato Grosso

Comerciantes do entorno rebatem medidas

Ricardo Campos Jr. e Miriam Machado
Canteiro da avenida Mato Grosso, onde durante a noite dogueiros instalam carrinhos de lanche (Foto: Marina Pacheco)Canteiro da avenida Mato Grosso, onde durante a noite dogueiros instalam carrinhos de lanche (Foto: Marina Pacheco)

A Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) notificou vendedores de lanches que ocupam o canteiro central da Avenida Mato Grosso a deixarem o local. Segundo o órgão, a medida afetou somente aqueles que estão irregulares junto à prefeitura.

O procedimento faz parte de ações que visam a urbanização de espaços públicos que envolvem limpeza, manutenção dos espaços e tratamento fitossanitário da arborização.

A notificação foi baseada no artigo 5º da lei que institui o Código de Policia Administrativa do Município da Capital, que veda uso de espaços urbanos para atividades diferentes das permitidas pela norma, que também autoriza a venda ambulante, como são enquadrados os chamados “dogueiros”, desde que eles tenham registro na secretaria.

Opinião - Comerciantes que trabalham na região questionam a medida. 

Proprietário de uma loja de calçados há 54 anos na rua 14 de Julho próximo da avenida Mato Grosso, José Lima Corrêa, 76 anos, disse que não vê problema dos vendedores no local. “Todo mundo tem que viver. Melhor estar trabalhando do que roubando”, afirma o comerciante.

Para a atendente de lanchonete Mirian Ortega, 40 anos, os vendedores vão fazer muita falta na região, já que segundo ela, não há lanches por ali a noite. “Aqui tem muita instituição de ensino é bom para eles [vendedores] e estudantes”, disse. “Deixa o sol deles brilhar. Todo mundo precisa trabalhar e eles não estão atrapalhando ninguém”, conclui.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions