ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Preocupados com cratera, moradores temem até sair de casa

Amanda Bogo e Christiane Reis | 14/12/2016 14:10
Jugleide diz se sentir insegura com a cratera aberta em frente a sua casa (Foto: Christiane Reis)
Jugleide diz se sentir insegura com a cratera aberta em frente a sua casa (Foto: Christiane Reis)

Moradores do bairro Estrela do Sul, onde duas crateras foram abertas devido a forte chuva, estão preocupados com a situação no local. Quase uma semana após o ocorrido, os buracos ainda estão abertos e tomando grandes proporções.

A equipe do Campo Grande News foi até o bairro nesta quarta-feira (14), acompanhar a situação. De acordo com o empresário Guilherme Henrique Dozza, 28 anos, que mora em frente a cratera aberta na rua das Balsas, o receio é de novas chuvas que possam acarretar o alagamento da residência.

“Ontem a cratera ficou cheia de água, que batia nas bordas e jorrava para dentro de casa. Não chegou a alagar, mas preocupa”, contou. “No sábado um motociclista caiu ai dentro, e no domingo foram um motociclista e um ciclista. O carnê o IPTU já chegou e vou ter que pagar”, desabafou.

Conforme o empresário, apenas o trabalho de prevenção de problemas com a tubulação de água que passa pelo local foi feito até o momento. “Desisti de ligar na prefeitura, nem a defesa civil e nem eles vieram aqui. O que tem de interdição e sinalização foi feito pela Águas Guariroba”.

A dona de casa Jugleide Vieira dos Santos, 26 anos, esposa de Guilherme e que está grávida, diz estar com medo de que a cratera fique maior caso chova. “A prefeitura poderia ter feito algo para dar uma segurança para nós. Tenho medo de sair na porta de casa porque a cratera já engoliu parte da calçada”, afirmou.

Dentro da cratera, cavaletes foram colocados para proteger tubulação de água (Foto: Christiane Reis)
Dentro da cratera, cavaletes foram colocados para proteger tubulação de água (Foto: Christiane Reis)

Na rua Mundo da Lua, próxima a rua das Balsas, a cratera que se abriu no calçadão que existe na via está na mesma situação. “Estou cansada de ligar e nada ser feito, ninguém vir até aqui”, afirmou a aposentada Marlene Borges Caçador, 59 anos.

A mulher, que mora ao lado do buraco, acredita que o problema está começando a refletir em na estrutura de sua casa. “Após abrir a cratera, apareceu uma rachadura no muro de dentro de casa. Acredito que possa ser por conta desse problema, sim”, afirmou.

A Prefeitura de Campo Grande, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que os técnicos que foram até o local detectaram que o trabalho é de grande extensão e, por segurança, precisa ser feito com pelo menos 10 dias de tempo seco. Até lá, medidas paliativas serão tomadas para que a cratera não avance ainda mais.

**Matéria alterada para acréscimo de informação às 15h21**

Cratera no calçadão da rua Mundo da Lua (Foto: Christiane Reis)
Cratera no calçadão da rua Mundo da Lua (Foto: Christiane Reis)
Nos siga no Google Notícias