A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/05/2012 14:10

Preso em bar da Capital foragido que vendia carros de luxo adulterados

Nadyenka Castro

De acordo com a Derf, que fez a prisão, Marcelo Velasco de Souza, 32 anos, estava foragido do semiaberto

Está preso desde a tarde do último sábado (12), em Campo Grande, Marcelo Velasco de Souza, 32 anos, foragido do regime semiaberto e conhecido por vender veículos adulterados com preços bem abaixo de mercado.

Marcelo foi preso pela Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos) quando estava no bar Mercearia, com amigos.

Marcelo já havia sido preso ano passado porque estava foragido, voltou ao semiaberto e novamente fugiu. Policiais da Derf passavam pelo local e reconheceram o foragido.

Ele foi abordado e, inicialmente, negou que estivesse com algum carro. No entanto, com ele foi encontrada a chave de um I30.

Os policiais constataram que o carro era dublê. O veículo havia sido roubado em outro Estado e estava com chassi e motor adulterado. O carro foi apreendido.

Com Marcelo também havia três documentos de veículos: o do I30, de um Honda CRV e de uma camionete Frontier. Os policiais analisam se estes documentos são de carros furtados em São Paulo.

Marcelo é conhecido por vender carros com valores bem abaixo de mercado. A maioria com algum tipo de adulteração.

Conforme a Derf, ele não é dono de nenhum estabelecimento. Vendia por conta própria.

Segundo a Derf, Marcelo tem comparsas em outros Estados que roubam e furtam os automóveis, a maioria de luxo. Ele busca o carro no local e paga, em média R$ 15 mil.

O automóvel é levado para oficinas, onde são feitas adulterações de motor, chassi e placa. Estas adulterações são para ‘esquentar’ o veículo.

De acordo com a Derf, além de vender carros roubados e furtados, Marcelo comercializava carros chamados de ‘boby’.

Marcelo financiava automóveis de luxo em outros estados com documentos de laranjas, pagava as primeiras parcelas e depois revendia. Também com preços abaixo de mercado.

Geralmente, quem compra os carros ‘boby’ são pessoas que já têm passagens pela Polícia e os usam para cometer crimes como roubo e tráfico de drogas.



Vou pra Europa comprar carro de 35.000 e pagar 50.000 de taxas de importação...essa foi ótima ! ! !
 
Lincoln Cortez em 16/05/2012 10:02:10
Bem, aqui na Europa tanto i30 quanto Focus sao bem em conta. Um Focus novo sai em torno de 35 mil reais, podendo chegar a 60 mil completo (com mais itens que nao se tem no Brasil).

Voce pode ter um Honda CRV por apenas 50 e poucos mil reais e um completo por uns 75 mil.


Entao, vcs estao jogando dinheiro fora quando compram um carro ou nao???
 
Gilberto Pereira em 16/05/2012 08:59:06
um i30 simples q digamos custa 60 mil e um com teto solar e banco d couro custa 70 mil.
 
marcos ferraz em 16/05/2012 08:13:48
Desde quando um i30 é carro de luxo? Só pelo fato de não ser da Volks, GM, Fiat ou Ford? Um Focus é muito mais carro do que um destes carrinhos asiaticos...
 
Marcos da Silva em 15/05/2012 06:21:59
Bom trabalho da derf, só falto divugar mais esse tipo de ocorrência, aposto que tem muitos policiais que não sabem do fato, vamos ficar de olho nesses carrões de luxo nos bairro, aposto que são na maioria de pessoas ligados ao tráfico de drogas.
 
amanda keity em 15/05/2012 05:35:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions