ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 16º

Capital

Preso morre na Máxima; suspeita é que foi obrigado a tomar cocaína com água

Morte aconteceu na madrugada desta terça-feira, em uma cela com outros 23 presos

Por Dayene Paz e Bruna Marques | 27/02/2024 06:27
Polícia Militar na Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Polícia Militar na Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

José Lopes Teixeira Neto, de 21 anos, foi encontrado morto na madrugada desta terça-feira (27), dentro da Penitenciária Jair Ferreira de Carvalho - de Segurança Máxima de Campo Grande - localizada no Jardim Noroeste. A suspeita é que o detento foi obrigado a ingerir cocaína diluída na água.

Segundo as informações apuradas pela reportagem do Campo Grande News, o caso ocorreu por volta das 3 horas. O preso seria pertencente a uma facção rival e teve a morte decidida por outros detentos. Então, foi obrigado a ingerir a droga com água, o que causa overdose, e começou a passar mal na cela 16 do pavilhão 2.

Na cela onde José Lopes cumpria pena, havia outros 23 presos.

A Polícia Civil e perícia estiveram no local. Não foram encontrados sinais de violência, mas havia espuma com sangue saindo pela boca da vítima. O caso foi registrado como morte a esclarecer, na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Cepol.

Outro caso - Leandro Sangales Martins, de 40 anos, foi assassinado dentro da Penitenciaria de Segurança Máxima de Campo Grande na tarde de terça-feira, 13 de fevereiro. Ele respondia por tráfico de drogas e tinha outras passagens na polícia. Leandro foi morto e a perícia encontrou lesões na traqueia "compatíveis com morte decorrente de ação violenta".

A reportagem entrou em contato com a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) e aguarda retorno.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias