A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/09/2015 11:08

Preso negociava venda de TV furtada pelo irmão de dentro do presídio

Traficante é preso acusado de vender TVs a mando de irmão presidiário

Filipe Prado
Bruno (preto) e Hugo foram presos pelo crime de receptação (Foto: Vanessa Tamires)Bruno (preto) e Hugo foram presos pelo crime de receptação (Foto: Vanessa Tamires)

Hugo Vinícius Crisanto de Lima, 21 anos, foi preso pela Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos) neste domingo (31) acusado de vender televisões furtadas no Residencial Rancho Alegre, na região do Portal Caiobá. O irmão do acusado, Murilo Henrique Crisanto de Lima, o Cirilo, 19, de dentro do presídio, buscava os compradores, encaminhando até o acusado.

O delegado Carlos Dellano, da Derf, apontou que os investigadores receberam a denuncia de que Hugo estava vendendo as TVs no bairro. Os policias abordaram o suspeito, que acabou confessando o crime, alegando que não furtava os objetos, que seriam fornecidos por um adolescente de 16 anos.

Na casa do suspeito foram encontrados outros objetos, como joias, que haviam sido furtadas no dia 25 deste mês de uma residência no Bairro Taquarussu, pertencente a um agente penitenciário do Estado.

Entre os objetos furtados, foi encontrada uma agenda, com um nome e telefone. A polícia entrou em contato e descobriu que dois televisores, e outros itens, foram subtraídos na manhã da prisão do acusado.

O adolescente foi encaminhado para a Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude), onde foi ouvido e liberado. Ele será investigado por auto de infração relacionado aos furtos. Hugo contou à Polícia Civil que saiu da prisão há três meses, alugou uma casa no bairro e desde então começou a comercializar os televisores. Ainda assegurou que não tinha contato com os comprados, somente o irmão.

Ele foi preso em flagrante por receptação e tráfico de drogas, porque foram encontrados 212 gramas de maconha em sua residência. Murilo será encaminhado para a Derf, onde será ouvido. Caso condenado, Hugo pode pegar pena de 16 anos, sendo quatro pela receptação e 12 por tráfico de drogas.

Se for comprovada a participação do adolescente e de Murilo no crime, eles serão autuados por associação criminosa e corrupção de menor.

Receptação – A delegacia prendeu também na tarde de ontem Bruno Richard Magalhães dos Santos, 18, por receptação, ao tentar vender uma motocicleta Honda Titan furtada, no Jardim Leblon.

Dellano relatou que o rapaz vendia a moto na Rua Potiguaras, onde reside. Ele afirmou que Wellington Souza de Lima, 18, havia deixado o veículo em sua casa, para realizar a revenda, porém não saberia da procedência da motocicleta.

A polícia apurou que a moto foi furtada na noite de sábado (29) em um clube, na Rua Brilhante. Bruno foi preso em flagrante pelo crime de receptação. Wellington foi ouvido e liberado, sendo autuado por receptação e furto.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions