A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/04/2014 12:40

PRF nega falta de efetivo em dia de sumiço de empresário

Aliny Mary Dias

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) divulgou comunicado neste sábado (5) e nega que efetivo das rodovias de Mato Grosso do Sul foi prejudicado na última terça-feira (1º), dia em que a operação Prometeu foi deflagrada em Mundo Novo.

A resposta surgiu depois que o Campo Grande News apurou que o sumiço do empresário Erlon Peterson Pereira Bernal se deu no mesmo dia da suposta falta de policiais na fronteira com países vizinhos.

De acordo com a nota da corporação, o trabalho de policiamento e fiscalização continua normal em todo o Estado e houve reforço de 20 equipes de policiais de outras regiões do país. No dia da operação Prometeu, segundo a PRF, 160 policiais de vários Estados participaram da ação em Mundo Novo.

“Desta forma, não houve comprometimento no trabalho de policiamento ordinário realizado pela PRF, tendo em vista que o somente alguns policiais lotados nas delegacias da Capital e do interior de Mato Grosso do Sul foram escalados para tal missão”.

Ainda de acordo com a nota, a corporação está participando de forma ativa nas buscas a Erlon, com apoio, inclusive, do helicóptero Bel 407, para sobrevoo em áreas de difícil acesso.

Durante todo o ano passado, a PRF recuperou 315 carros furtados ou roubados no Mato Grosso do Sul e só esse ano foram 88 veículos recuperados.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


Por que não se instala câmeras nas saídas da cidade, ou mesmo radares que identificam as placas dos veículos que saem da cidade...
Coisas simples que poderiam mudar essa lamentável situação, carros sendo roubados para serem levados ao PY. Seria menos trabalho para a Policia e mais bandidos presos.
 
Ygor Barbosa em 05/04/2014 13:38:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions