ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, QUARTA  25    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Procon autua banco que deixou cliente esperando por quase 1h

Em agência do Bradesco cliente teve de esperar por 55 minutos; na do Santander tempo de espera foi de 37 minutos

Por Maressa Mendonça | 13/02/2020 15:54
Fachada da agência do banco Santander localizado no centro de Campo Grande (Foto: Divulgação)
Fachada da agência do banco Santander localizado no centro de Campo Grande (Foto: Divulgação)

Agências bancárias localizadas na Rua Barão do Rio Branco, no centro de Campo Grande foram autuadas pelo Procon estadual (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor), nesta quinta-feira (13), por demora no atendimento. Em agência do Bradesco o cliente teve de esperar por 55 minutos. Na do Santander o tempo de espera foi de 37 minutos.

Conforme as informações divulgadas pela assessoria de imprensa do órgão, as equipes de fiscalização foram até o local após receberem diversas denúncias sobre demora no atendimento.

No local, eles constataram a demora que "configura abuso em relação à relação de consumo". Isto porque há uma legislação que regula o tempo máximo de espera nas filas de até 15 minutos. O controle é feito por meio de senhas distribuídas entre os clientes.

Outra irregularidade flagrada pelos fiscais tem relação com as próprias senhas. Elas foram impressas em papel termossensível, o que também é proibido por lei. A proibição ocorre desde 2013 quando ficou determinado que os clientes não poderiam ser prejudicados em consequência do uso deste papel em que as informações se apagam com o decorrer do tempo.

Após as autuações, as agências recebem um prazo para regularizar a situação. Se a situação não for resolvida os fiscais do Procon emitem multas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário