A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

27/08/2014 09:05

Quadrilha de arrastadores é acusada de estupro de mulher no Centro

Renan Nucci
Veículo da vítima foi recuperado em Anastácio durante ação da PRF e da Rotai. (Foto: O Pantaneiro)Veículo da vítima foi recuperado em Anastácio durante ação da PRF e da Rotai. (Foto: O Pantaneiro)
Dorival era o condutor do Palio roubado recuperado pela polícia. (Foto: O Pantaneiro)Dorival era o condutor do Palio roubado recuperado pela polícia. (Foto: O Pantaneiro)

Renan Moreira Iris, 19 anos, foi preso como suspeito de ter estuprado uma mulher de 52 anos no último dia 16, na Vila Carvalho, na região central de Campo Grande. Na ocasião, o carro da vítima, um Fiat Palio, havia sido roubado, mas foi recuperado. Outros dois indivíduos foram presos por participação no crime, que pode ter sido cometido por uma quadrilha de arrastadores (que roubam para levar carros para a Bolívia e o Paraguai). O trio deve ser apresentado amanhã (28), pela Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam).

O caso começou a ser desvendado a partir da prisão de Dorival Júnior Coelho Torres, 24 anos, realizada em conjunto pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) e pela Rotai (Ronda Ostensiva Tática do Interior), na BR-262, em Anastácio, na quarta-feira passada.

Ao ser preso, ele negou envolvimento no estupro e disse que tinha sido contratado por dois homens para levar o carro até Corumbá, fronteira com a Bolívia, e que receberia R$ 1 mil pelo serviço. O contato entre eles teria sido feito no Jardim Aeroporto, na Capital.

De posse destas informações, agentes do SIG (Serviço de Investigações Gerais) da Deam deram continuidade às diligências até chegarem à residência de Daniel Grillo, 20 anos, no Jardim São Conrado, durante o final de semana. O rapaz é tido como o receptador do veículo. Ele afirmou que comprou o carro de Renan, suspeito do estupro que, por sua vez, foi detido em casa, no Aero Rancho, e se recusou a prestar depoimento.

Estupro - De acordo com a polícia, um homem de aparência jovem foi até a casa da vítima, localizada na Avenida Fábio Zahran, na Vila Carvalho, para pedir água. A mulher de 52 anos atendeu a solicitação e quando entrou na casa, percebeu que o indivíduo já havia invadido e trancado o local.

O criminoso estava armado e segundo a vítima, fez ameaças e a obrigou a tomar banho enquanto ele observava. Após a ação ele fugiu levando uma câmera fotográfica, notebook, aparelho de GPS, dois celulares e o carro. A mulher esperou o homem sair para pedir ajuda aos vizinhos que chamaram a polícia.

Após 72h, polícia não tem pistas de homem que estuprou e roubou mulher
Continua foragido o homem que estuprou, roubou e mandou a vítima, uma mulher de 52 anos, tomar banho enquanto a observava. A polícia ainda não tem pi...
Bandidos armados com faca usam carro prata para assaltar vítimas
Dois homens armados com faca em um carro prata - com placas HTI-8594 - assaltaram ao menos duas vítimas, na madrugada deste domingo (17), no Bairro C...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions