A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

11/06/2014 11:02

Quadrilha roubou cerca de R$ 100 mil em joias e dinheiro em 2 cofres

Francisco Júnior e Filipe Prado
Bandidos foram apresentados nesta manhã na delegacia. (Foto: Marcos Ermínio)Bandidos foram apresentados nesta manhã na delegacia. (Foto: Marcos Ermínio)
Parte do dinheiro recuperado pela Polícia. (Foto: Marcos Ermínio)Parte do dinheiro recuperado pela Polícia. (Foto: Marcos Ermínio)

A Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubo de Veículos) apresentou nesta manhã (11) os integrantes de uma quadrilha que furtaram dois cofres de duas casas na Vila Belo Horizonte, em Campo Grande. No total, foram levados quase R$ 100 mil em joias e dinheiro.

A quadrilha era formada por Átila Chagas Bomrukue, 24 anos, Bruno Wesley Lima da Silva, 18 anos, além de três adolescente, sendo dois de 17 anos.

Segundo a Polícia, o primeiro furto aconteceu no dia 21 de maio, em uma casa na rua José Rosa. Neste dia, foram até o local, Atila, Bruno e um dos adolescentes. Para se certificar que não havia ninguém na residência, os bandidos tocaram a campainha, como ninguém foi atender, entraram no local pelo portão eletrônico e depois arrombaram a porta da sala a pesadas.

Na casa roubaram um cofre que continha joias avaliadas em R$ 80 mil.

O outro furto, conforme a Polícia, aconteceu no dia 26 de maio, em uma casa que fica na mesma do rua do primeiro furto. No local também não havia ninguém e foi furtado um cofre com R$ 17 mil. Nesse crime participaram Bruno e mais dois adolescente, um deles responsável por fazer a abertura do compartimento.

Uma  curiosidade nesse crime que chamou a atenção da Polícia, é o fato de que os bandidos abandonaram em ruas da Capital os dois cofres roubados. Um foi deixado na avenida Júlio de Castilho e outro na Avenida Afonso Pena.

Segundo a delegada Maria de Lourdes de Souza Cano, titular da Defurv, a quadrilha foi presa depois de um dos adolescentes ser flagrado dirigindo um Golf e portando R$ 2 mil dinheiro. O flagrante foi feito por policiais da delegacia durante operação no dia 29 de maio.

Foi o adolescente que entregou os outros envolvidos no crime. O pai dele também foi iniciado por receptação por ter comprado o veículo Golf com dinheiro furtado das residencias.

Em depoimento, os bandidos revelaram que gastaram boa parte do dinheiro em festas, consumo de drogas e na compra de presentes para parentes e namoradas. A Polícia conseguiu recuperar R$ 29,7 mil.

Homem de 30 anos é esfaqueado e fica em estado grave
Bartolomeu Gomes de Araújo Barbosa, 30 anos, ficou gravemente ferido após ser atingido a golpes de faca no abdômen, na noite de ontem (12), na Rua Bo...
Após documento vazar, Sesau diz que hemogramas não foram suspensos
A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) afirmou que os hemogramas continuam sendo feitos na rede pública de saúde de Campo Grande. A informação inici...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions