A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

03/02/2013 08:40

Rapaz é preso por estuprar menina de 5 anos, sobrinha da namorada

Criança foi abusada pela primeira vez há 3 meses. Mãe flagrou o crime e chamou a Polícia

Nadyenka Castro e Luciana Brazil
Delegado Camilo pediu prisão preventiva do rapaz. (Foto: Pedro Peralta)Delegado Camilo pediu prisão preventiva do rapaz. (Foto: Pedro Peralta)
Casa onde a criança mora. Carrinho é do irmão de cinco meses. (Foto: Rodrigo Pazinato)Casa onde a criança mora. Carrinho é do irmão de cinco meses. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Um rapaz de 26 anos foi preso por volta de 00hh30min deste domingo por estupro a uma menina de cinco anos, na Moreninha 3, em Campo Grande. A criança é sobrinha da namorada dele, de 17 anos.

O abuso sexual foi descoberto pela mãe da menina, de 29 anos. Ela chegou do trabalho por volta das 20h30min e viu o jovem obrigando a criança, que chorava, a fazer sexo oral nele. A mulher então socorreu a filha e chamou a PM (Polícia Militar). O rapaz fugiu, mas acabou preso horas depois.

Os pais da menina trabalham em um shopping da Capital. A mãe o dia inteiro e o pai, a partir das 14 horas. Quando eles não estão na casa, a criança fica com a irmã da mãe, a garota de 17 anos.

A adolescente passou a morar com a família da irmã em outubro do ano passado. Antes, ela morava com o namorado, o autor do estupro.

De acordo com a Polícia Civil, a garota e o autor terminaram o relacionamento em outubro do ano passado. Ela foi morar com a irmã e um mês depois reatou o namoro.

A adolescente relatou à Polícia Civil que o estupro à sobrinha começou em novembro, mas, que não havia contado sobre a situação porque era ameaçada. Conforme a garota, a criança chegou a ser abusada enquanto ela e o namorado tinham relação sexual.

Quando a mãe flagrou o abuso, a tia estava sozinha em um dos quartos da residência. O estupro acontecia quando os pais não estavam em casa.

A adolescente disse ainda à Polícia Civil que sabia que o namorado já havia abusado da prima dela, de sete anos. A mãe falou aos policiais que não desconfiava da situação, mas, sabia que o rapaz era violento, pois já havia agredido a irmã dela.

O jovem nega os abusos. Ele foi indiciado pelos crimes de estupro de vulnerável e corrupção de menores. O delegado Camilo Kettenhuber Cavalheiro pediu a prisão preventiva do rapaz, que não teve o nome divulgado pelo Campo Grande News em atendimento às determinações do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

A menina tem dois irmãos: um de 10 anos e outro de cinco meses.



como que os pais dessa criança deixavam um cara desse frequentar a casa deles com duas crianças sozinhas dentro?!
 
marta freitas em 04/02/2013 23:14:53
Parabéns primo....!!!
 
PATRICIA KETTENHUBER DE LIMA em 04/02/2013 08:59:36
é um canalha sem escrupulo, tem que servir de mulherzinha na cadeia pra ele ver como é bom, ah sem avisar os direitos humanos, pois todos sabem eles tem dó deste canalha e não da criança.
 
jose claudio em 04/02/2013 08:15:50
esse animal vai se ferrar.
 
JOSEMAR ALVES VIEIRA em 04/02/2013 07:18:15
Esse animal teria que ser castrado (sem anestesia) antes de ser preso.
 
sergio luiz covre em 03/02/2013 22:34:09
se a mãe sabia que o rapaz era violento, porque deixara a criança em companhia de outra ( 17 anos ) e do rapaz ? poupe-nos dessa mãe negligente !!
 
jose ajala em 03/02/2013 22:19:36
só mesmo com a pena de morte para esses miseravéis,antes eles tem que sofrer muito também,só assim servirão de exemplo muitos malditos!!!infelismente muitos irão dizer que são contra,mas pensam se acontece com filhos,filhas,sobrinhas,sobrinhos ou qualquer parentes dessas pessoas que são contra a pena??!!!!eu sou totalmente a favor mesmo....plebiscito já!!!!
 
sandra rojas de oliveira em 03/02/2013 19:35:58
Como a sociedade pode viver com um monstro desses, isso nem podemos chamar de ser humano, nem animais praticam uma barbaridade dessas com seus semelhantes, cadeia é pouco pra uma pessoa dessa, pior de tudo, é que vai ter um advogado ou um defensor publico para sair em suas defesa,
Queria q um advogado nesses casos tivesse o minimo de raciocínio lógico para dizer que diante desse caso, esse elemento tem direito.
Senhores promotores de justiça, juízes, ministros, enfim, pensam na família, como fica o seu piscológico e o da criança, que irão carregar esse trauma pro resto da vida.
Esse monstro tem que pagar muito caro pelo seus atos, se fosse irmão do cara desses, eu mesmo ia fazer questão de ter ele bem longe da família.
 
THIAGO DA SILVA em 03/02/2013 16:21:00
O coitado do rapaz deve ser uma pessoa com "problemas psicologicos", e não um bandido... Por isso vamos realizar a castração quimica dele, com ÁCIDO SULFURICO...
 
daniel brandao em 03/02/2013 15:22:48
manda pra cadeia e fala aos outros presos o que fazia , que aí ajustiça vai ser FEITA!
 
idevaldo de jesus em 03/02/2013 12:33:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions