A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

24/10/2017 11:31

Reajuste do IPTU 2018 será inferior à inflação, garante secretário

Paulo Nonato de Souza e Mayara Bueno
O secretário José Marcos da Fonseca garantiu que reajuste do IPTU não ficará acima da inflação, por determinação do prefeito Marquinhos Trad (Foto: Arquivo)O secretário José Marcos da Fonseca garantiu que reajuste do IPTU não ficará acima da inflação, por determinação do prefeito Marquinhos Trad (Foto: Arquivo)

O secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, José Marcos da Fonseca, disse nesta terça-feira, 24, que por determinação do prefeito Marquinhos Trad, do PSD, o reajuste do Imposto Predial e Territorial Urbano, o IPTU 2018, não ficará acima da inflação, ou seja, não será superior a 3%.

“Por determinação do prefeito não haverá reajuste acima da inflação, e vamos fazer toda a parte de verificação da planta de valores, porque faremos apenas correções pontuais de distorções”, assegurou o secretário nesta terça-feira, durante evento na Central de Atendimento ao Cidadão.

Questionado pela imprensa se a Prefeitura de Campo Grande já tem o sistema de cálculo para o reajuste do IPTU, José Marcos da Fonseca disse que atualmente a sua secretaria está trabalhando na organização de dados cadastrais dos contribuintes junto com a Secretaria Municipal de Finanças, e a expectativa é começar a encaminhar a emitir os boletos em dezembro para pagamento em 2018.

“Vamos corrigir distorções que sempre ocorreram nas cobranças do imposto, como duas casas, uma ao lado da outra, com preços do IPTU diferentes. Isso está sendo levantado”, afirmou o secretário. “Estamos usando técnicas de georeferenciamento para saber exatamente o tamanho da área construída de cada casa”, ressaltou ele.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions