A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

01/02/2019 12:04

Repasse de R$ 10 milhões garante 13º de funcionários, diz Santa Casa

Valores foram repassados pelo Ministério da Saúde. Enfermeiros estão em greve desde quinta-feira (31) pela falta de parte do benefício

Izabela Sanchez
Enfermeiros entraram em greve na quinta-feira (31) (Foto: Guilherme Henri)Enfermeiros entraram em greve na quinta-feira (31) (Foto: Guilherme Henri)

A greve dos enfermeiros e técnicos em enfermagem da Santa Casa, que cruzaram os braços na tarde de quinta-feira (31), deve chegar ao fim nesta sexta (1). Eles cobram o pagamento de parte do 13º, e agora a Santa Casa afirmou, por meio de comunicado, ter recebido recursos. O pagamento, garante, já está sendo realizado.

O comunicado cita “promessa” do presidente da Santa Casa, Esacheu Nascimento, “de que o primeiro recurso que fosse repassado ao hospital seria utilizado para pagar os funcionários”, que aguardam 26,66% do benefício. O dinheiro veio do Ministério da Saúde, R$ 10 milhões, suplementação orçamentária publicada no Diário Oficial de Campo Grande, já que o município é o gestor do contrato de custeio do hospital.

A suplementação, aditivo ao contrato, vem de recursos de aplicação de emendas parlamentares, depositados no Fundo Nacional de Saúde.

No início desta tarde, ainda assim, a greve continua. É o que explicou o presidente do Siems (Sindicato dos Trabalhadores na Área de Enfermagem de Mato Grosso do Sul), Lázaro Santana. Segundo o dirigente, a categoria participa de assembleia às 12h30 para decidir o fim da greve.

“Vamos fazer uma assembleia agora com os trabalhadores, até agora não foi confirmado nenhum recebimento. Assim que tiver na conta a gente já suspende o movimento. A Santa Casa ainda não nos comunicou por escrito”, declarou.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions