A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/02/2015 20:07

Secretário da Seintrha deve responder os vereadores até o fim da semana

Maioria dos questionamentos da oposição não foi respondida

Juliene Katayama
Caco disse que vai enviar cópia das respostas à imprensa (Foto: Alcides Neto)Caco disse que vai enviar cópia das respostas à imprensa (Foto: Alcides Neto)

O secretário da Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação), Valtemir Alves de Brito, disse que vai encaminhar até o fim da semana as respostas dos questionamentos dos vereadores feitos durante reunião pública na tarde desta segunda-feira (9) sobre o serviço de tapa-buraco.

Caco, como é conhecido, respondeu apenas a alguns questionamentos. O objetivo do encontro foi esclarecer sobre o serviço de tapa-buraco prestado em uma rua no Parque dos Poderes onde aparentemente não havia danos no asfalto.

Neste caso específico o secretário disse que técnicos da prefeitura foram até o local analisar o serviço depois da polêmica causada por um vídeo divulgado que mostrava funcionários da empresa Selco cobrindo áreas sem buraco. “Tinha rachaduras que permitem que a água infiltra e umedece o material e provoca buraco”, pontuou.

Segundo o secretário os contratos em vigor foram firmados “de 2010 para cá e estão sendo cumpridos de forma litúrgica”. Caco também falou do processo de seleção das áreas onde é prestado o serviço. “É elencada as prioridades por demanda. As demandas chegam do gabinete, da Câmara e dos Conselhos de Bairros”, explicou.

Valtemir revelou ainda que a prefeitura está elaborando um laudo sobre a situação polêmica, assim como a própria empresa. “Depois vamos cruzas as informações da laudo da prefeitura e da empresa”, afirmou. O secretário garantiu que não existe “nenhum cenário por trás do serviço de tapa-buraco” como a vereadora Luiza Ribeiro (PPS) questionou.

Entre as repostas que devem chegar aos vereadores estão questionamentos sobre os recursos públicos aplicados, montante dos contratos firmados, quais empresas prestam esse tipo de serviço, qual material e técnica utilizados, garantia que a empresa oferece do serviço prestado, estradas vicinais, o que vai acontecer com a empresa Selco se comprovada má-fé.

Participaram da reunião 21 vereadores.Além do presidente Mario Cesar (PMDB), também estavam presentes: Delei Pinheiro e Chiquinho Telles, ambos do PSD; Carlão (PSB); Paulo Pedra (PDT), Edil Albuquerque, Vanderlei Cabeludo e Carla Stephanini, todos do PMDB, Thais Helena, Alex do PT e Ayrton Araújo, todos do PT; João Rocha (PSDB); José Chadid (sem partido); Luiza Ribeiro; Edson Shimabukuro (PTB); Otávio Trad, Eduardo Romero, ambos do PtdoB; Herculano Borges (SD); Alceu Bueno (PSL), Gilmar da Cruz (PRTB) e Airton Saraiva (DEM). Até o novato Saci (PRTB) que vai tomar posse nesta terça-feira (10) participou.

Do total, 14 vereadores se inscreveram para questionar o secretário, mas no fim dois desistiram de perguntar Chadid e Edil. Todos da oposição quiseram saber mais sobre o serviço de tapa-buraco e a rodada de perguntas terminou com o presidente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions