ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  30    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Sedado, trabalhador que levou choque respira com a ajuda de aparelhos

O trabalhador de 37 anos teve pelo menos 3 paradas cardíacas após levar o choque de alta tensão

Por Adriano Fernandes e Clayton Neves | 30/10/2020 21:53
Atendimento ao trabalhador nesta sexta-feira (30). (Foto: Clayton Neves)
Atendimento ao trabalhador nesta sexta-feira (30). (Foto: Clayton Neves)

O funcionário da empresa de monitoramento, de 37 anos, que foi eletrocutado ao encostar em um fio de alta tensão, nesta tarde (30) está sedado e intubado, respirando com a ajuda de aparelhos na Santa Casa de Campo Grande.

A vítima deu entrada a unidade às 19h02 e, desde então está sob os cuidados do médico plantonista na ala vermelha do hospital, que é destinada a pacientes graves. Conforme o hospital, via assessoria de imprensa, a equipe médica aguarda o resultado de exames.

O acidente ocorreu enquanto o profissional fazia a manutenção de câmeras de segurança em uma clínica médica localizada na Rua Mar das Antilhas, no Bairro Chácara Cachoeira, em Campo Grande. De acordo com testemunhas, o trabalhador teria encostado a escada que usava em fios de alta tensão.

Devido ao choque a vítima caiu no chão e bateu a cabeça, mas ainda orientou aos colegas que não encostassem nele, antes de desmaiar. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e levou cerca de 1h20 para conseguir estabilizar o trabalhador.

Conforme apurado pela reportagem a vítima teve pelo menos três paradas cardíacas, mas foi reanimada pelos médicos. Durante o atendimento os profissionais revezavam para fazer massagem cardíaca na vítima. O pai do profissional também acompanhou o salvamento, visivelmente abalado. Ele chegou se ajoelhar ao lado do filho enquanto fazia orações aos prantos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário