A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

04/03/2019 11:02

Sem faixa para travessia, idosa de 72 anos é atropelada no Guanandi

Região não possui sinalização e moradores precisam se arriscar para conseguir cruzar a via

Danielle Valentim e Kerolyn Araújo
Vidro do para-brisa se quebrou com a batida. (Foto: Kerolyn Araújo)Vidro do para-brisa se quebrou com a batida. (Foto: Kerolyn Araújo)

Uma idosa de 72 anos, que ainda não foi identificada, foi atropelada por um Ford Escort na manhã desta segunda-feira (4) quando tentava atravessar a Avenida Marechal Deodoro, no Bairro Guanandi, em Campo Grande. A região não possui faixa para pedestres.

O acidente ocorreu por volta das 10h30 e a vítima tinha acabado de sair do Mercado do Produtor. Uvas ficaram espalhadas pelo asfalto.

Conforme apurado pela reportagem, o semáforo estava aberto para o condutor e a idosa foi atingida próximo ao meio fio. A força do impacto jogou a vítima ao para-brisa do carro que teve o vidro quebrado.

A idosa foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros com suspeita de traumatismo craniano e levada em estado grave à Santa Casa de Campo Grande.

O trecho onde ocorreu o acidente não possui faixa para pedestres e moradores precisam se arriscar para conseguir cruzar a via.



De nada adiantaria ter faixa de pedestre, os condutores de Campo Grande não respeitam e mesmo sem a faixa de pedestre esse motorista atropelou a idosa não respeitando a idade dela e nem o fato de ser uma pedestre. Em lugares de grande fluxo é preciso passarelas aéreas como em cidades mais desenvolvidas evitando que motorista e pedestres sejam prejudicados.
 
Mauro em 04/03/2019 13:34:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions