A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

16/09/2013 11:34

Sindicância da Prefeitura apura incêndio e catadores vão "recomeçar do zero"

Aliny Mary Dias
Moradores se reuniram com sentimento de recomeço (Foto: Marcos Ermínio)Moradores se reuniram com sentimento de recomeço (Foto: Marcos Ermínio)

A Prefeitura de Campo Grande vai abrir sindicância para apurar o incêndio que destruiu parte da UTR (Usina de Tratamento de Resíduos) no fim da manhã de ontem (15), no bairro Dom Antônio em Campo Grande.

De acordo com a assessoria, a sindicância irá avaliar os prejuízos, já que alguns maquinários e equipamentos destruídos pertenciam à cooperativa e outros à prefeitura.

No local destruído pelas chamas, o cenário na manhã desta segunda-feira (16) era de tristeza e sentimento de recomeço. A presidente da associação dos catadores, Gilda Macedo, explica que o prejuízo estimado ficou no valor de R$ 150 mil.

Por ser material inflamável, novos focos de incêndio reaparecem a todo o momento. Para evitar novos focos grandes, tratores e funcionários da Prefeitura trabalham para enterrar o material que ainda queima. Caminhões de terra foram levados para ajudar no trabalho.

Os catadores explicam ainda que foram até a Polícia Civil na noite de ontem para registrar o incêndio. Os cooperados aguardavam a chegada da perícia e de uma equipe da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano).

Oswaldo Macedo trabalha há 9 anos com reciclagem e afirma que o trabalho terá que recomeçar do zero a partir de agora. “Acabou tudo, perdemos o pouco que tínhamos e agora vamos ter que lutar para recomeçar”, conta. Cerca de 30 catadores foram até a UTR na manhã desta segunda-feira.

Balanças foram destruídas pelas chamas (Foto: Marcos Ermínio)Balanças foram destruídas pelas chamas (Foto: Marcos Ermínio)

Destruição - Por volta das 11h deste domingo um incêndio tomou conta da UPL, ao lado do lixão, destruindo grande parte do lugar. Tanto a presidente quanto os catadores acreditam que o fogo tem cunho criminoso. Gilda foi informada de que um rapaz em uma biz cinza esteve no local pouco antes das chamas. Outros dizem que dois homens em uma moto preta estavam do lado de fora da UPL neste horário.

A Usina teve as atividades iniciadas no dia 11 de setembro de 2012, há pouco mais de um ano. A ação foi o primeiro passo para a desativação do antigo lixão que teve as atividades suspensas em dezembro de 2012.

Todo o material reciclável é oriundo dos LEV (Locais de Entrega Voluntária) e da coleta seletiva nas residências. Mais de 100 famílias tiram sobrevivem deste trabalho.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions