A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

21/05/2014 17:53

Suspeito de linchamento depõe e nega participação em crime

Lidiane Kober e Zana Zaidam
Acusado deixou delegacia sem falar com a imprensa (Foto: Zana Zaidan)Acusado deixou delegacia sem falar com a imprensa (Foto: Zana Zaidan)

Suspeito de participação no linchamento de Hugo Neves Ferreira, de 45 anos, o pedreiro Vanderson Escobar Xavier, 42, depôs, nesta quarta-feira (21), por uma hora na 5ª Delegacia de Polícia, de Campo Grande, e negou envolvimento no crime.

Ele saiu da delegacia com o rosto coberto e sem falar com a imprensa. No comando das investigações, o delegado João Reis Belo também não se manifestou sobre o caso e prometeu detalhar a apuração em entrevista coletiva, prevista para amanhã (22).

Acompanhando o suspeito, os advogados Amilton Ferreira de Almeida e Damaris Machado negaram participação do cliente no linchamento.

Para Damaris, a explicação para a convocação de Xavier é a possibilidade de testemunhas terem apontado ele como um dos autores. “Ele mora na região, mas não sei precisar se estava perto do local na hora do crime”, disse a advogada.

Segundo ela, o cliente não foi indiciado. “Agora, o delegado vai reunir conjunto de provas para decidir se ele será preso ou mantido em liberdade”, afirmou.

O crime – No dia da morte, a vítima tentava pular o muro, como de costume, conforme parentes, toda vez que bebia, discutia com a mulher e era impedido de sair de casa. Porém, desta vez enganchou o short e ficou sem roupa.

Com a virilha ferida, ele correu para o outro lado da rua, pegou uma folha de bananeira para esconder as partes intimas, quando uma mulher gritou e entrou em contato com o marido.

Ferreira acabou confundido com um estuprador, perseguido por um carro, abordado por dois homens e espancado até a morte no meio da rua, do Bairro Aero Rancho.

Polícia esclarece morte de pedreiro confundido com estuprador
A Polícia realizará amanhã (22), uma semana após o linchamento do pedreiro Hugo Neves Ferreira, 45 anos, coletiva na 5ª Delegacia da Capital para esc...
Testemunhas da morte de pedreiro confundido com estuprador prestam depoimento
A Polícia fará a oitiva na tarde desta segunda-feira (19), na 5ª Delegacia da Capital, com o pai, esposa e outras testemunhas do linchamento do pedre...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions