A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

09/09/2011 14:44

Suspenso júri popular de acusado de matar o tio idoso a tiro

Nadyenka Castro

Réu conseguiu liminar no TJ/MS para cancelar o julgamento que seria nesta sexta-feira

O júri popular de Patrikhy Gheorges Soares Abrão, acusado de matar o tio, que seria realizado nesta sexta-feira, em Campo Grande, foi suspenso por decisão em caráter liminar do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

A decisão é da desembargadora Marilza Lúcia Fortes, da 1ª Turma Criminal. Com isso, o julgamento fica suspenso até avaliação do mérito.

O crime- Segundo a acusação, no dia 27 de agosto de 2003, às 15 horas, no interior de um imóvel localizado na rua 13 de Maio, região central de Campo Grande, usando um revólver calibre 38, o réu atirou contra o tio Kalil Natálio Abrão, que morreu na hora.

A Promotoria de Justiça pede a condenação por homicídio, com agravante do

motivo torpe, pois o réu teria matado o tio para evitar que a vítima ajuizasse ação para embargar a construção de sua casa. A outra agravante é porque a vítima era idosa.

A defesa sustenta as teses de homicídio culposo (imprudência), privilégio do domínio da violenta emoção, seguida de injusta provocação da vítima e afastamento das agravantes apontadas pelo Ministério Público.

Réu vai a julgamento nesta sexta-feira por matar tio de 60 anos em 2003
O conselho de sentença da 2ª Vara do Tribunal do Júri reúne-se a partir das 8h desta sexta-feira (9), para o julgamento de um homem acusado de assass...
Eventos de Natal, inauguração de igreja e obras interditam 9 ruas na Capital
A Agetran (Agência Municial de Transporte e Trânsito) informa que pelo menos 9 ruas terão o tráfego impedido neste domingo (17) em Campo Grande. O fe...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions