ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUINTA  13    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Tentativa de suicídio para Afonso Pena por 20 minutos

Tumulto foi grande por volta das 16 horas, no viaduto que passa sobre a Ceará

Por Ângela Kempfer | 29/07/2020 16:27
Momento em que bombeiros negociavam com homem no viaduto. (Foto: Direto das Ruas)
Momento em que bombeiros negociavam com homem no viaduto. (Foto: Direto das Ruas)

Por cerca de 20 minutos, o trânsito ficou caótico na Avenida Afonso Pena, na região do viaduto que passa sobre a Avenida Ceará. Sem saber o motivo do fluxo parado, motoristas tiveram de esperar em congestionamento.

No local, 3 viaturas do Corpo de Bombeiros e 2 da Policia Militar, interromperam o acesso para impedir que um homem de 37 anos se jogasse do viaduto. Tanto Afonso Pena, quando Ceará, foram bloqueadas.

Os bombeiros passavam pelo local, voltando de outra ocorrência, quando viram uma pessoa na grade. As equipes retornaram e abriram negociações com o homem.

Trãnsito ficou congestionado na Afonso Pena, no cruzamento com a Ceará. (Foto: Direto das Ruas)
Trãnsito ficou congestionado na Afonso Pena, no cruzamento com a Ceará. (Foto: Direto das Ruas)

Com a chegada de outras viaturas, ele começou a ficar nervoso, mas os bombeiros conseguiram conter o homem e encaminhar para atendimento psicológico.

Ainda segundo a equipe, o homem disse que foi diagnosticado com transtorno psicológico, mas admitiu que não gosta de tomar medicamento controlado.

No momento em que tentavam convencer o homem a não se jogar, outra pessoa que passava pelo local gritou incentivando o suicídio e levou uma bronca dos bombeiros.

"A gente pede para que as pessoas não façam isso. Estávamos controlando a situação e o rapaz ficou ainda mais nervoso depois disso", avisou o tenente Fernando Villanova.

Bombeiros também interditaram a Ceará, com medo do homem se jogar. (Foto: paulo Francis)
Bombeiros também interditaram a Ceará, com medo do homem se jogar. (Foto: paulo Francis)