A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019

31/01/2013 12:04

Trote só pode ser punido se for dentro de instituição, informa UCDB

Francisco Júnior
Estudantes promoveram algazarra em posto. (Foto: Luciano Muta)Estudantes promoveram algazarra em posto. (Foto: Luciano Muta)

A UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) informou nesta quinta-feira (31) que a instituição não pode punir os estudantes que promoveram trote fora das dependências da universidade. Ontem (30), primeiro dia do ano letivo, veteranos e calouros se aglomeraram em um posto de combustíveis e promoveram algazarra regada a bebida alcoólica no local.

Na tentativa de sensibilizar os jovens para evitar o trote, o reitor da instituição, padre José Marinoni, chegou a ir até um posto que fica ao lado da universidade. Ele abordou os estudantes orientando para que não bebessem e não cometessem atos agressivos.

A instituição ainda publicou uma portaria com cinco artigos informando as punições aos para fizer no trote. Está prevista suspensão de 15 a 30 dias para quem promover a prática.

De acordo com assessoria de imprensa da UCDB, a instituição não recebeu nenhuma reclamação de alunos ou pais por conta dos trotes nos calouros realizados fora da universidade.

No início do ano, o MPF/MS (Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul) recomendou as dez maiores instituições de ensino superior do Estado para que tomem providências contra o trote estudantil, porque caso ocorra situações deste tipo a instituição poderá ser responsabilizada judicialmente.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions