A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

19/10/2011 21:43

TV Brasil Pantanal lança álbum “Talentos de Nossa Terra” e nova grade

Paula Maciulevicius

A nova grade inclui programas de esporte, entrevista, música e meio ambiente que vão agradar o público interessado em cultura e entretenimento

Governador inaugurou espaço que vai preservar quase três décadas da TV pública do Estado. (Foto: Pedro Peralta)Governador inaugurou espaço que vai preservar quase três décadas da TV pública do Estado. (Foto: Pedro Peralta)

A TV Brasil Pantanal lançou nesta noite, seis álbuns do projeto “Talentos de Nossa Terra” e inaugurou a Sala da Memória Pedro Porfírio, com equipamentos, fotos e vídeos que contam os 27 anos de história da TV pública estadual.

Os seis álbuns foram entregues a artistas regionais para divulgarem seus trabalhos com qualidade e padrões internacionais. As imagens e sons dos artistas foram captados no programa Estúdio 104, exibido pela TV Brasil Pantanal aos domingos, às 22h, e agora reunidos em DVDs vão poder mostrar ao público a diversidade da música regional.

Durante o evento, o governador André Puccinelli (PMDB) aproveitou para dar a deixa da explosão do sertanejo em todo país.

“Há 10 anos não se imaginava tantas duplas e cantores como Luan Santana divulgando o nome de Mato grosso do Sul. Nós temos que fazer a mesma coisa com todos os ritmos. Divulgar nossos artistas para nos orgulharmos dos valores do Estado”, disse o governador.

Os seis álbuns lançados contêm cinco DVDs cada um, com trabalhos de 30 músicos e bandas regionais como Barulho Zen, Bêbados Habilidosos, Zuka, Skin Nativa, Rastro, K da Coiza, Delay e Zíngaro, Geraldo Espíndola, Aurélio Miranda, entre outros.

Com o material em mãos, artistas da terra vem a oportunidade de divulgar o trabalho fora do Estado.

“Isso vai alavancar o trabalho daqueles que buscam seu lugar ao sol”, comenta Aurélio Miranda. (Foto: Pedro Peralta)“Isso vai alavancar o trabalho daqueles que buscam seu lugar ao sol”, comenta Aurélio Miranda. (Foto: Pedro Peralta)

O cantor e compositor Aurélio Miranda vê o projeto como estímulo aos valores da terra.

“Só o Estado em si já é um celeiro de grandes artistas. Isso vai alavancar o trabalho daqueles que buscam seu lugar ao sol”, reforça o artista que tem pelo menos 40 de trajetória.

Entre os eventos que marcam a comemoração dos 27 anos de TV Brasil Pantanal, foi inaugurado também o espaço que pretende preservar a história de quase três décadas da TV pública de Mato Grosso do Sul, com a exposição de objetos e equipamentos usados desde a criação, em 1984.

A Sala da Memória recebeu o nome de Pedro Coutinho da Rocha Porfírio, em homenagem a um dos funcionários mais antigos da TV e que faleceu em 28 de novembro de 2003, aos 50 anos.

Entre os equipamentos expostos ao público constam uma câmera Umatic, um teleprompter de esteira usado desde a década de 1980 e um microfone doado pela Fundação Roquete Pinto para a 104 FM.

Em dois grandes painéis montados, fotografias mostram os profissionais que ajudaram a contar essa história. Além da exposição, a sala da memória também vai exibir uma série de interprogramas, com dois minutos de duração, que mostram imagens e fotografias dos antigos programas, com depoimentos de pessoas que participaram dos projetos.

Para a diretora-presidente da Fertel (Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e Televisão Educativa de Mato Grosso do Sul), Mariângela Yule a Sala da Memória é mais que resgatar a história da TV, como possibilitar também aos visitantes conhecerem de perto toda trajetória da TV pública do Estado.

Programação - A nova grade da TV Brasil Pantanal inclui programas locais de esporte, entrevista, música e meio ambiente que vão agradar o público interessado em cultura e entretenimento.

Com os programas Primeira Pessoa, Giro do Esporte, Som da Concha e os interprogramas Plantas do Cerrado, a TV Brasil Pantanal oferece uma alternativa para os telespectadores que se preocupam com o conteúdo da televisão que assistem.

Para os ouvintes, a 104 FM, um novo programa está para ser lançado, “Clássicos” deve ser transmitido aos domingos, logo após o “Encontro de Gerações”, com Ciro de Oliveira, e reapresentado à noite. O nome ainda não foi definido, mas o gerente da 104, Rodrigo Maia, antecipa que pode ser o maestro Eduardo Martineli.

“Toda a programação de domingo a domingo é nova. Voltamos com dois antigos programas, o Blues e Derivados e o Encontro de Gerações no final de semana”, ressalta Rodrigo Maia.



meu querido e amado governador, nao se esqueça do pagode tambem, tem um grupo que se chama SAMBA 10 que e um sucesso na internet que e de campo grande ms, eles colocaram um musica e num final de semana tiveram mais de 200 mil acessos, da um olhadinha pra eles .
 
luiz fernandes em 20/10/2011 08:37:23
Parabéns!!!!!! Mas não esqueçam do Juca Ganso. Que foi, é , e será tudo de bom para nós.
 
Ivanir Aparecida Lucas Pulcherio em 20/10/2011 08:31:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions