A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

08/05/2012 09:27

União cede área de R$ 7,4 milhões para construção da UEMS na Capital

Aline dos Santos

O contrato de cessão gratuita tem validade de cinco anos

A Superintendência do Patrimônio da União cedeu uma área avaliada em R$ 7,4 milhões para a construção do campus da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande. O terreno fica no Jardim Imá.

A unidade será construída com recursos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), por meio do Finem (Programa de Financiamentos a Empreendimentos).

A UEMS terá 12 meses para iniciar a obra no terreno de 59.883,16 metros quadrados, com prazo de dois anos para conclusão. O contrato de cessão gratuita tem validade de cinco anos.

Em Campo Grande, a UEMS funciona na Rua dos Dentistas, no bairro Arnaldo Estevão de Figueiredo. A unidade oferece seis cursos: Artes Cênicas e Dança, Geografia, Letras Português-Espanhol, Letras Português-Inglês, Pedagogia e Turismo.

Na campanha eleitoral de 2010, uma das promessas do governador André Puccinelli (PMDB) foi a construção de uma sede da universidade em Campo Grande.

No mês passado, o governador reafirmou que pretende criar um curso de Medicina na UEMS até 2014. De acordo com o governador, a universidade e hospital escola será em Campo Grande.

Há dois anos, acadêmico fizeram mobilizações para que a UEMS fosse instalada no terminal rodoviário de Campo Grande, mas a proposta não vingou. Os cursos foram transferidos de salas na escola estadual Hércules Maymone para uma escola no bairro Arnaldo Estevão de Figueiredo.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...


Que nada vocês falam mas, apenas pensando um pouco, você vê que a rodoviária é limitado não tem espaço para uma Universidade do porte da UEMS se instalar tem que ter local para crescer, e eu acadêmico não gostaria de estudar na Rodoviária, ficará melhor um novo prédio com todas nossas reivindicações. Porém eu não irei estudar lá já estarei formado... Uhulll
 
Felipe Lucero em 09/05/2012 08:44:49
Nem todos os cursos foram transferidos para a unidade do Arnaldo Estevão Figueiredo. Todos os anos do curso de ARTES CÊNICAS E DANÇA (1º, 2º e 3º anos) estão enfiados/apertados/improvisados no Hércules Maymone. É brincadeira o quer mais?
 
Relly de Janeiro em 08/05/2012 12:25:27
A Antiga rododoviária, nem de longe, parece servir para abrigar uma Universidade. Embora não seja da área da engenharia/arquitetura, penso que lá somente comporta, sem ter que refazer totalmente o prédio, órgãos públicos que precisem de vários espaços pequenos. Uma universidade precisa de laboratório, quadras e piscinas, caso deseje um curso de educação física.e medicina, espaço para hospital
 
fabia britez em 08/05/2012 10:30:28
Está na hora do governo sul-matogrossense investir na área tecnológica (engenharias, tecnólogos de exatas, etc.). Cursos de licenciaturas, medicina e humanas estão superlotando o mercado de trabalho e não estão melhorando o perfil educacional de MS; apenas maquiagem. Concordo com Joelson Arfux de Figueiredo; a antiga rodoviária seria um ótimo local para instalar a UEMS, central e desocupada
 
Gustavo Ribeiro em 08/05/2012 07:23:27
Até que enfim, algo realmente de bom para o meu bairro. Espero que com isso, traga mais melhorias.
 
Marcelo Max em 08/05/2012 07:07:07
OTIMO CONSTRUIR UM CAMPUS PARA A UEMS EM C.G.A GENTE SÓ SENTE QUE ATÉ HOJE NÃO TIVEMOS UM LLUGAR BOM PARA A UNIVERSIDADE,A LUTA PARA IIR P/ ANTIGA RODOVIÁRIA FOI FORTE,MAS AS FORÇAS DA CLASSE ESTUDANTIL NÃO VALE MAIS, O QUE VALE HOJE É ISSO AÍ,CONSTRUIR DÁ LUCRO TEM MUITAS DELTAS NO AR
 
LUIZ GOMES em 08/05/2012 05:49:57
PARABENS, A SOCIEDADE, POR GANHAR O DIREITO DE TER ESSE EMPREENDIMENTO EDUCACIONAL TÃO DESEJADO, O ANDRÉ, ASSIM RECUPERA A IMPETUOSIDADE QUE TEM, ADMINISTRA SERIAMENTE, NÃO ADIANTA RISO, ADIANTA E ADMINISTRAR VISANDO O AMANHÃ, TIRO O CHAPEU GOVERNADOR, PRECISAMENOS INVESTIR MUITO EM DEUS E NA EDUCAÇÃO, DOIS FATORES BÁSICOS DOS SERES HUMANOS, QUE DEUS ABENÇOE.
 
pedro braga em 08/05/2012 04:29:26
Esse é o mal do Brasil, com um prédio enorme desse que é a antiga rodoviária, vamos gastar mais dinheiro público para construir outro prédio. Dinheiro esse que o BNDS poderia investir nas micro e pequenas empresas do estado para gerar emprego e renda, enquanto isso as UEMS do interior seguem capengando e passando a sacolinha nas suas cidades pra poder manter as portas abertas.
 
Joelson Arfux de Figueiredo em 08/05/2012 04:03:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions