ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, TERÇA  01    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Uso inadequado da rede de esgoto gera 280 ocorrências em apenas um mês

Por Francisco Júnior | 03/07/2013 20:25
Só em maio foram 280 ocorrências. (Foto: Divulgação)
Só em maio foram 280 ocorrências. (Foto: Divulgação)
Organograma de como funciona a rede de esgoto. (Foto: Divulgação)
Organograma de como funciona a rede de esgoto. (Foto: Divulgação)

O uso inadequado da rede de esgoto gerou, em maio, mais de 280 ocorrências atendidas pela equipe de esgotamento sanitário da Águas Guariroba. Campo Grande tem hoje um índice de 69% da população com rede de coleta e tratamento de esgoto disponível. Para manter o sistema em bom funcionamento, também é necessária a participação dos moradores.

O acúmulo de lixo e o lançamento indevido de água de chuva nas tubulações de coleta do esgoto são as principais causas de extravasamentos atendidas pela cidade. De acordo com o gestor de esgotamento sanitário da empresa, Mário Marcio Gonçalves, em meses com grande volume de chuvas na Capital, o índice de ocorrências atendidas pela equipe de manutenção praticamente dobra.

“A tubulação de esgoto é mais estreita que a rede de águas pluviais, estas sim, preparadas para receber água da chuva”, comenta.

O lançamento de água de água da chuva na rede de esgotamento sanitário é uma situação irregular, porém muita gente desconhece, por isso é importante verificar.

O gestor lembra também que ao fazer a ligação interna da residência à rede de esgoto, os moradores devem estar atentos: “A tubulação do esgoto deve receber apenas os resíduos sanitários”. São resíduos sanitários a água utilizada na pia da cozinha e do banheiro, descarga do vaso sanitário e água do chuveiro, entre outros. Água da calha ou do quintal não são esgoto.

Outro fator que ocasiona entupimentos e extravasamentos na rede de esgoto é o acúmulo de lixo na tubulação. Óleo de cozinha, restos de alimentos descartados na pia da cozinha, papel higiênico, sacos plásticos, bituca de cigarro, absorventes e preservativos jogados no vaso sanitário, são alguns dos exemplos de lixo que podem causar danos ao encanamento. Ações bastante simples evitam que este tipo de ocorrência: basta que todos deem a destinação correta ao lixo e lancem as águas da chuva devidamente na rede de drenagem urbana.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário