A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/10/2012 18:14

Usuário de drogas brigam e um fica gravemente ferido

Gabriel Neris e Helton Verão
Rapaz afirmou que agiu em legítima defesa e se apresentou espontaneamente (Foto: Minamar Júnior)Rapaz afirmou que agiu em legítima defesa e se apresentou espontaneamente (Foto: Minamar Júnior)

Briga entre usuários de droga terminou em esfaqueamento nesta segunda-feira (15) no Jardim Itamaracá. Diogo Cândido de Souza, de 20 anos, atingiu o abdômen de Diogo Vanildo, de 19, que foi socorrido e está em estado grave na Santa Casa de Campo Grande.

Souza contou que os dois eram amigos desde infância e já usavam drogas desde os 12 anos de idade. O autor disse que sempre usavam pasta-base, mas anos depois optou sem ser internado numa clínica de reabilitação. Segundo Souza, foram dois anos longe das drogas.

O período sem usar drogas teria irritado Diogo Vanildo. O autor da facada conta que voltou a se drogar a um ano, mas não queria contato com Vanildo pelas ameaças que sofria do rapaz. “Não usada drogas mais com ele”, disse.

A vítima saiu de casa hoje de bicicleta com outro rapaz, do Jardim das Perdizes até o Itamaracá. Souza relatou que Vanildo entrou na residência com socos e pontapés e se deparou com o tio do rapaz. “Você tem sorte que seu tio está aqui, senão ia te matar”, relatou Souza.

O rapaz ainda teria se drogado dentro da casa de Souza, roubado roupas e colocado tudo numa mala. A companhia de Vanildo permaneceu de bicicleta do lado de fora. O autor afirmou que aproveitou um momento de bobeira de Vanildo, fingiu que iria tomar café, pegou uma faca e a desferiu na barriga da vítima.

O rapaz de bicicleta reagiu para defender Vanildo com pedras, mas Souza fugiu a pé. O autor se deparou com uma ambulância já no bairro Tiradentes e se entregou espontaneamente.

Diogo Souza foi encaminhado a 4ª DP (Delegacia de Polícia), no bairro das Moreninhas. Ele avisou que não estava sob uso de drogas e que consumia somente aos fins de semana. Souza também contou que é pedreiro, atualmente.

O rapaz disse que não se arrepende de ter esfaqueado o ex-amigo, pois considera que agiu em legítima defesa. Souza afirmou que Diogo Vanildo ameaça a mãe e os irmãos dele.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions