ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  03    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Vereadores ignoram pico da pandemia e se reúnem para curso em hotel da Capital

Curso será ministrado hoje e amanhã a vereadores do interior; "troca de experiências" justificou presencial

Por Silvia Frias e Clayton Neves | 18/03/2021 10:37
Vereadores em auditório de hotel em Campo Grande, esta manhã (Foto: Kisie Ainoã)
Vereadores em auditório de hotel em Campo Grande, esta manhã (Foto: Kisie Ainoã)

Curso sobre legislação e planejamento na contratação reúne cerca de 100 vereadores de Mato Grosso do Sul em hotel de Campo Grande, entre hoje e amanhã. A capacitação está sendo realizada em um dos momentos mais tensos da pandemia, em que a cidade registra 80.320 casos e 1.631 mortes, aumento de 297 infecções e 8 óbitos em 24h, segundo último boletim epidemiológico.

O curso presencial está sendo oferecido em dois auditórios alugados no Hotel Grand Park, no Bairro Chácara Cachoeira. Na capacitação, participam vereadores do interior do Estado.

Os espaços foram locados pelo IFAG (Instituto de Formação e Assessoria em Gestão Pública), empresa que ministra capacitação para “prover conhecimento especializado em gestão pública com qualidade, através de treinamentos, assessorias e consultorias, com foco na eficiência e eficácia dos serviços prestados”. O instituto tem escritório em Campo Grande e em Toledo (PR).

Vereador é submetido a teste rápido de covid (Foto: Kisie Ainoã)
Vereador é submetido a teste rápido de covid (Foto: Kisie Ainoã)

Hoje, os participantes foram divididos nos dois auditórios, cada com 50 participantes. O vereador Edmilson Dudu Barbosa (Republicanos), de Toledo (PR), responsável pela capacitação, explicou que a opção por curso presencial foi por conta da troca de experiências. “Poderia ser on-line, mas dessa forma a gente consegue tratar as especificidades de cada município”, justificou.

O vereador diz que a capacitação segue os protocolos de segurança previstos em decretos à risca. “Isso aqui envolve dinheiro público”, disse. Os vereadores viajam com diárias.

Na entrada, os participantes usaram álcool e gel. Em sala separada,  antes da entrada no curso, eram submetidos a testagem rápida de covid-19.

No auditório com capacidade para 190 pessoas, entraram até 50 pessoas para aula de cerca de 2 horas. O corredor foi dividido com marcação no chão, porém, a distância entre eles era de uma cadeira.

Israel já participou de outras capacitações (Foto: Kisie Ainoã)
Israel já participou de outras capacitações (Foto: Kisie Ainoã)

O tema de hoje é a “compatibilidade da lei de acesso à informação”. Dudu Barbosa disse que, por conta da obrigatoriedade de apena 2h dentro de ambiente fechado e a capacitação diária é de 2h30, esse tempo restante será compensado posteriormente. Amanhã, o curso será sobre planejamento de contratações públicas.

Israel Gomes de Souza (PDT), vereador de Nova Alvorada do Sul está no segundo mandato e já participou da capacitação oferecida pelo instituto outras vezes. “As normas sempre mudam e por isso a necessidade de capacitação e atualização. Senão, a gente morre na praia, não consegue legislar e fica sempre pra trás, fazendo o que o prefeito manda”.

Cezar Nogueira (PSDB) é vereador no terceiro mandato em Jardim e disse que a capacitação é importante. “Nós somos do interior, se não se atualizar, a gente acaba ficando isolado”.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário