A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

13/06/2014 11:07

Vizinhos à Praça do Papa reclamam de sujeira e bagunça após festa

Renan Nucci e Filipe Prado
Lixo espalhado no entorno da Praça do Papa, após festa de ontem. (Fotos: Marcos Ermínio)Lixo espalhado no entorno da Praça do Papa, após festa de ontem. (Fotos: Marcos Ermínio)
Catadora de reciclável recolhe materiais depois da festa na Praça do Papa.Catadora de reciclável recolhe materiais depois da festa na Praça do Papa.

Transtorno. Esta é a palavra que define o sentimento dos campo-grandenses que vivem na região da Praça do Papa, local que recebeu na noite de ontem (12) o show da dupla sertaneja Jads & Jadson, durante a abertura do Arraial de Santo Antônio. Homens de uma empresa contratada pela prefeitura fazem a limpeza da área nesta manhã.

A praça e imediações amanheceram sujas com copos descartáveis, garrafas e outros resíduos, além de forte odor de urina. Alguns moradores disseram que a festa deste ano, que reuniu cerca de 50 mil pessoas, foi a mais problemática dos últimos tempos.

O show terminou por volta da meia-noite, mas segundo Luiza de Carvalho, de 32 anos, a barulheira do tumulto com carros de som se estendeu até às 3h. Ela disse ao Campo Grande News que o evento deveria ser transferido para outro lugar, e fez uma sugestão.

“A Vila Brasil poderia ser um lugar (para receber a festa). Aqui não é só o cemitério", disse a moradora, lembrando que o trânsito é outro problema, já que as vias ficam congestionadas mesmo com a presença de fiscais da Agetran (Agência Municipal de Trânsito) tentando manter a ordem.

Pedrosa de Souza, de 76 anos, relata que o quintal da casa onde mora fica sempre sujo nessas ocasiões, mas que o principal transtorno é por conta dos ‘relaxados’ que urinam no muro, fazendo do imóvel um ‘banheiro público’. “O maio problema é esta falta de respeito. Este ano foi o pior de todos”, reclamou.

Para Vanir Cardoso, de 56 anos, as reclamações são por causa do trânsito congestionado e dos barulhos provocados pela algazarra. Ela pede que a prefeitura se responsabilize pela limpeza das residências, e sugere que as avenidas Júlio de Castilho e Presidente Vargas sejam fechadas, reduzindo o trânsito de automóveis aos redores da Praça do Papa.

Limpeza - Nesta manhã, funcionários da Litucera, empresa contratada pela prefeitura, fazem a limpeza da praça e das ruas ao redor que formam o quadrilátero, bem como da área que compreende até à Avenida Júlio de Castilho. Hildo Streger, coordenador da equipe, afirma que oito homens trabalham no local que deve ficar limpo até o final da tarde. 

 

Equipe da prefeitura faz limpeza no local, que amanheceu com muita sujeira. Equipe da prefeitura faz limpeza no local, que amanheceu com muita sujeira.


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions