A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/11/2012 12:11

Voluntários simulam queda de aeronave no Aeroporto

Paula Vitorino e Francisco Júnior
Simulado aconteceu nesta manhã, em área do Aeroporto. (Foto: Minamar Júnior)Simulado aconteceu nesta manhã, em área do Aeroporto. (Foto: Minamar Júnior)

Simulação da queda de aeronave no Aeroporto de Campo Grande, nesta manhã, mobilizou 150 pessoas para encenar o acidente com detalhes de realidade. A ação faz parte do Exercício Simulado de Emergência da Aeronáutica, que acontece anualmente. Dentre os participantes, 80 eram alunos do curso de corpo de voluntários de emergência.

As 20 vítimas da aeronave, sendo 17 passageiros e 3 tripulantes, pediam socorro, choravam e gritavam na área onde supostamente o avião teria caído, no hangar do Aeroporto.

Apesar de todos os detalhes reais, as vítimas na verdade eram da Escola de Aviação da Aeronáutica, que tiveram os corpos pintados com tinta, simulando ferimentos.

O avião destruído foi simulado com pneus queimados, que provocaram intensa fumaça.

Como prevê o atendimento de emergência, os bombeiros foram os primeiros a chegar ao local e fazer o atendimento. Logo em seguida os voluntários chegaram à área em ônibus.

As vítimas eram socorridas por helicóptero para serem levadas até os hospitais cadastrados, que são Santa Casa, Hospital Regional e Hospital do Exército.

O objetivo do corpo de voluntários de emergência é formar pessoas da sociedade para atuar em caso de queda de aeronave no raio de 8 km do Aeroporto. O ideal é que os voluntários trabalhem ou morem na região do Aeroporto.

Um ônibus fica de plantão 24h no Aeroporto para levar os voluntários até o local do acidente.

“O tempo de resposta foi de acordo com o esperado. Esse treinamento é fundamental para definir o esquema necessário em caso de um acidente”, explica o superintendente da Infraero, Evandro Castilho Leite.

Uma nova resolução da Anac definiu que aeroportos com o mesmo fluxo de Campo Grande possam realizar a partir de agora as simulações a cada 3 anos.

Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


A simulação foi muito interessante, as vítimas são alunos da Fly Company, e excelentes atores, tudo pareceu muito real !
 
Rafael Costa em 09/11/2012 14:50:11
A Base aérea poderia colocar algumas faixas nas cercas do aeroporto informando que tratava-se de simulação, pois presenciei muitos "quase" acidentes com motoristas e pedestres curiosos que passavam pela região!!!
 
João m Souza em 09/11/2012 12:38:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions