A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

24/06/2016 22:15

Chapa candidata na UFMS quer melhorar restaurante e criar moradias estudantis

Nyelder Rodrigues

A Chapa Movimento Por Uma UFMS Diferente e Eficiente, uma das candidatas a eleição da reitoria da UFMS (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul), quer melhorar o RU (Restaurante Universitário), criar novos restaurantes nas unidades do interior e também criar moradias para estudantis.

No dia 4 de agosto, acontece a eleição que definirá se o grupo, encabeçado pelos professores Marco Aurélio (candidato à reitor) e Alexandra Ayach (vice), tocará ou não as propostas, buscando apoio financeiro para manter a atual estrutura do RU em Campo Grande e criar novas unidades nos campi do interior.

Outra proposta é garantir a existência de pequenas cantinas estrategicamente localizadas nos campi da UFMS, com exigência de oferta de alimentação saudável e nutritivamente equilibrada, evitando também grandes deslocamentos dos estudantes das suas unidades.

Moradias - A criação de moradias estudantis é uma proposta tem o propósito de promover justamente a integração entre estudantes, possibilitando o intercâmbio entre diversas culturas e desenvolver o aprendizado da vivência em comunidade.

Por isso, a intenção do movimento é pleitear moradia aos estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, regularmente matriculados em curso de graduação e de pós-graduação da UFMS. Além disso, o grupo visa um centro de convivência da universidade para que a comunidade acadêmica tenha outro ponto de relacionamento.

Atualmente a universidade tem 1,3 mil docentes, 3,2 mil técnicos e administrativos e mais de 16 mil acadêmicos distribuídos pelos seus 11 campi espalhados pelas cidades de Mato Grosso do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions