A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

15/10/2011 10:30

Cláudio Anache convoca associados à eleição do CREA e prega renovação

Edmir Conceição

Eleição acontece no dia 8 de novembro. Estão aptos à votação cerca de 9 mil filiados, mas a abstenção nas últimas eleições chegou a 60%. Anache quer mudar esse quadro

Engenheiro Claudio Pache Anache quer romper hegemonia e abrir CREA-MS à participação de todos. (Foto: Fernando Dias)Engenheiro Claudio Pache Anache quer romper hegemonia e abrir CREA-MS à participação de todos. (Foto: Fernando Dias)

Com a proposta de abrir o CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) à participação de todos, quebrando uma hegemonia de 40 anos, o engenheiro Cláudio Pache Anache está convocando todos os associados a participarem das eleições da nova diretoria, que acontecem no dia 8 de novembro.

Anache é candidato a presidente e diz que está à frente de um movimento que busca não só o fortalecimento e o resgate de sua atribuição fundamental, mas, também, a renovação na direção da entidade, daí o slogan de campanha “O CREA para Todos. O outro candidato é Jari Castro, que pretende a reeleição.

Estão aptos à votação cerca de 9 mil filiados, mas a abstenção nas últimas eleições chegou a 60%. Anache quer mudar esse quadro estimulando a participação de todos e acha que uma forma e garantir mais democracia, com alternâncias no comando da entidade. Podem participar das eleições os engenheiros, agrônomos, geólogos, geógrafos, meteorologistas, tecnólogos e técnicos de nível médio destas áreas, registrados nos Creas e que estiverem em dia com suas anuidades.

Em Mato Grosso do Sul, as urnas estarão localizadas em todas as cidades que contam com inspetorias ou escritórios do CREA-MS: Campo Grande, Aquidauana, Coxim, Corumbá, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã, Três Lagoas, Rio Brilhante, Chapadão do Sul e ainda em São Gabriel do Oeste.

Nestas eleições de 2011, os cargos em disputa que receberão votos dos profissionais de Mato Grosso do Sul são para: presidente do Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Confea), presidente do Conselho Regional (Crea) e diretor-geral e diretor-administrativo da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea (Mútua).

Propostas - Há 30 anos como membro do CREA-MS, Cláudio Pache Anache diz que a renovação na gestão da entidade é a principal meta.”Em minha primeira candidatura à presidência, apenas a renovação do CREA motivou esta empreitada, convicto que a partir daí possamos desenvolver as metas que julgamos importantes, como a reciclagem e qualificação dos nossos profissionais. “Criar uma cooperativa de crédito, dar continuidade e melhorar a carta de orientação são também itens importantes em nossos projeto”, diz Cláudio Anache.

Como ‘profissional que vivencia as ondas tubulentas do cenário sócio-econômico’, Anache diz que não pode concordar com o imobilismo e perpetuação no comando do CREA, notando que se espanta ‘com tanta ilegalidade, inércia e desvios de caminhos que atrasam ou impedem as nossas conquistas e da nossa gente’.

Para Anache, a ‘função precípua’ do CREA é de fiscalizar o exercício legal das profissões do sistema Confea/CREA e potencializar a classe para os desafios do mercado. “Nossas ações buscarão, com criatividade, através das entidades, fomentar o mercado de trabalho e oferecer profissionais altamente qualificados e por que não certificados dentro de sua especialidade. Isto é possível, as entidades têm direito a repasses da taxa da ART (Responsabilidade Técnica), podendo elaborar projetos com apoio do CREA-MS com finalidade exclusiva de formação continuada”.



E isso meu amigo claudio,mato grosso do sul precisa de profissionais como vc em todos os setores de nossa sociedade. abracos e que vc saia votorioso nessas eleicoes..
 
sidney robson oedroza em 15/10/2011 11:12:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions