A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

24/02/2017 12:31

Com estoque baixo, Hemosul convoca doadores para o Carnaval

Para manter armazenamento sadio, são necessárias 160 doações de sangue por dia

Yarima Mecchi e Marcus Moura
Doação pode ser feita das 7h às 17h de segunda-feira à sexta-feira. (Foto: Marcus Moura)Doação pode ser feita das 7h às 17h de segunda-feira à sexta-feira. (Foto: Marcus Moura)

Com o carnaval o estoque de bolsa de sangue do Hemosul (Centro de Hematologia e Hemoterapia de Mato Grosso do Sul), que já é baixo, tende a diminuir e todos os doadores estão convocados a irem ao local. A assistente social, Joana Monteiro, garante que com os cinco dias de festa a demanda do Estado aumenta e a população é muito importante para manter a reserva.

"Nós não temos uma média de bolsas que são usadas. O número varia conforme os acidentes, brigas e demais atos. Nós atendemos todo Mato Grosso do Sul, mandamos muitas bolsas para o interior", afirmou.

Para manter o estoque do Hemosul sadio são necessárias 160 doações de sangue por dia, mas de acordo com a assistente social, que trabalha no local, Joana Monteiro, a média diária não passa de 100. Ela ressalta que todos as tipagens sanguíneas são importantes.

"Todos os tipos sanguíneos são importantes e o que usamos mais são o O+ e o O-. No caso, o negativo é doador universal. O sangue coletado tem uma parcela fracionada, de uma parte são retiradas as emacias e plaquetas", acrescentou.

O operador de empilhadeira, Júlio Santos, de 23 anos, é doador há três anos e sabe da importância de manter o estoque. Na manhã desta sexta-feira (24), ele esteve no Hemosul. "Começou a doar porque um amigo precisou e com isso fui conhecer um pouco mais como funciona. Pretendo continuar doando enquanto puder", afirmou.

Quem também contribui para manter o nível de bolsa de sangue no Hemosul é o servidor público Rogério Vieira, de 44 anos. Ele é doador há 19 anos. "Comecei porque tinha campanha de que estavam precisando. Muito importante que venha doar principalmente na época de carnaval porque a demanda aumenta e não custa ajudar o próximo", enfatiza.

Servidor público doa ônibus há 19 anos. (Foto: Marcus Moura)Servidor público doa ônibus há 19 anos. (Foto: Marcus Moura)

Quem pode - Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos e precisam ter 55 kg ou mais. O menor de idade tem que estar acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal, ou então pode retirar na unidade de doação um modelo de declaração, levar para mãe ou pai ou responsável legal assinar e então reconhecer firma desta assinatura.

Homens podem doar até quatro vezes ao ano com um intervalo mínimo de dois meses. Mulheres podem doar até três vezes ao ano com um intervalo mínimo de três meses. Após os 60 anos tanto homens como mulheres devem obedecer o intervalo mínimo de seis meses.

Para doar é preciso estar bem alimentado. Não se pode doar sangue em jejum, mas deve evitar alimentos com excesso de gordura. É recomendado que se alimente bem, porém, de forma saudável.

Hemosul fica na Rua Padre João Cripa esquina com a Fernando Corrêa. (Foto: Marcus Moura)Hemosul fica na Rua Padre João Cripa esquina com a Fernando Corrêa. (Foto: Marcus Moura)

Não pode - Algumas doenças impedem a doação de sangue, como: hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes,hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como doença de chagas, hepatite, AIDS, sífilis.

Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

Serviço - O Hemosul, fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 1304, Centro, Campo Grande. E funciona de segunda-feira à sexta-feira, das 7h às 17h e sábado das 7h às 12h.

Por causa do carnaval, na segunda-feira (27) o prédio vai funcionar com horário de sábado e volta apenas na quarta-feira (1º de março) após ao 12h. 

Em Campo Grande também pode doar na Santa Casa, que fica na Rua Eduardo Santos Pereira, 88, São Francisco. De segunda-feira à sexta-feira, das 7h às 11h.

E no Hospital Regional, localizado na Rua Engenheiro Lutherio Lopes, 36, Aero Rancho. De segunda-feira à sexta-feira, das 7h ao 12h. 

Bolsa de sangue doada no Hemosul. (Foto: Marcus Moura)Bolsa de sangue doada no Hemosul. (Foto: Marcus Moura)

Interior - Em Dourados, o centro de coleta fica na Rua Waldomiro de Souza, 295, Vila Industrial. Mais informações pelo telefone (67) 3424-4192.

Em Ponta Porão os doadores podem ir na Rua Sete de Setembro, s/n, Santa Isabel. Mais informações pelo telefone (67) 3431-6134.

Em Três Lagoas, as coletas são feitas na Rua Manoel Rodrigues Artez, 520, Colinos. Mais informações pelo telefone (67) 3522-7959.

Em Paranaíba, as coletas são feitas na Rua Selma Martins de Oliveira, 335, Ipê Branco I. Mais informações pelo telefone (67) 3503-1026.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions