A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/06/2009 15:15

Convênio amplia cooperação entre PRF e Detran/MS

Redação

Agora quem tiver o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo) apreendido pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) não vai mais ficar impune ao solicitar um novo documento ao Detran/MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

Na tarde de hoje, foi firmado um convênio entre as duas instituições para que a PRF consiga ter acesso a lançamentos no banco de dados do Detran de forma que impossibilite a emissão de uma segunda via do documento sem a regularização do veículo.

"Agora, o condutor que estiver trafegando com alguma irregularidade passa a ter punibilidade, o que antes não acontecia", disse o superintendente da PRF, Valter Favaro. "A Polícia Rodoviária Federal e do Detran passam a agir em conjunto punindo o motorista que comete infrações", acrescenta.

Segundo o superintendente, a pessoa que era multada por alguma irregularidade passível de ser punida com a retenção do veículo (pneu careca, farol queimado entre outros) tinha o documento apreendido, e lhe era dada um prazo para regularizar. Mas muitos não apareciam para resgatar a CRLV porque pediam um novo documento ao Detran, que não era avisado sobre a infração, e continuavam na irregularidade.

"A partir e agora, o Detran fica sabendo quase que automaticamente que o documento foi apreendido pela PRF e não emite uma segunda via", detalha o diretor-presidente do Detran, Carlos Henrique dos Santos Pereira. "O nível de cooperação entre as duas instituições é muito bom. Hoje, trabalhamos para eliminar as exceções", ressalta.

Santos Pereira explicou que o convênio só vai ter efeito para veículos emplacados em Mato Grosso do Sul, os de outros estados continuaram podendo usar a estratégia. Conforme informações da PRF, cerca de quinhentos documentos são recolhidos todos os meses.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions