A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/07/2008 07:58

Correios entram em greve; MS decide se irá aderir

Redação

Em assembléia nacional, funcionários da ECT (Empresa de Correios e Telégrafos) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado a partir desta terça-feira. No maior sindicato de Mato Grosso do Sul, a decisão sobre a greve sairá da assembléia geral marcada para esta terça-feira, às 18h30, na Escola Maria Constância, em Campo Grande.

O Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, Telégrafos e Similares de Campo Grande e Região possui 1030 filiados e representam 1.460 funcionários, o equivalente a 70% do total de servidores da estatal em Mato Grosso do Sul. Conforme o presidente do sindicato, Emídio Gonçalves Alves, em todo o país já são 25 sindicatos em greve.

Em todo o país, a ECT possui 108 mil trabalhadores. Os grevistas reivindicam cumprimento de um termo de compromisso assinado, em novembro de 2007, pelo ministro das Comunicações, Hélio Costa, e pelo presidente dos Correios, Carlos Henrique Custódio, que concede adicional de periculosidade equivalente a 30% do salário por mês, aumento na Participação nos Lucros e Resultados e a implementação de um Plano de Cargos, Carreiras e Salários.

Outra vez - Em abril, os funcionários dos Correios em Mato Grosso do Sul já haviam paralisado as atividades

Outra reivindicação da categoria diz respeito à participação nos lucros referente a 2007, ano em que a categoria alega que os Correios obtiveram lucro recorde de R$ 830 milhões. Os trabalhadores denunciam o favorecimento de chefes, gerentes e diretores dos Correios, que receberam a título de PLR valores até 300 vezes maiores que os pagos aos trabalhadores.

A paralisação em abril só terminou com o compromisso de cumprir os acordo até julho, quando também voltaria a ser discutida a distribuição dos lucros.

Justiça do Trabalho faz acordos de R$ 6,5 milhões no Estado
A Justiça do Trabalho teve 355 acordos que somaram R$ 6.512.934,87 durante a Semana da Conciliação em Mato Grosso do Sul. Na iniciativa, realizada en...
Ministério da Saúde suspende incentivos da atenção básica em MS
O Ministério da Saúde suspendeu, nesta sexta-feira (15), repasse extra à atenção básica para sete municípios de Mato Grosso do Sul. Isso porque eles ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions