A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

17/02/2010 17:18

Desembargador suspende, de novo, empréstimo à Santa Casa

Redação

Nova reviravolta na concessão do empréstimo de R$ 14,4 milhões da Caixa Econômica Federal à Santa Casa de Campo Grande. Na quarta-feira passada, o desembargador Fernando Mauro Moreira Marinho acatou pedido da Associação Beneficente, mantenedora afastada do comando do hospital, e determinou a suspensão da liberação dos recursos.

Após a concessão de liminar, o agravo será julgado pela 3ª Turma Cível do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul). O presidente da entidade, Esacheu Nascimento, comemorou a decisão. No entanto, ele estima que a junta interventora já gastou R$ 9 milhões dos R$ 14 milhões.

O empréstimo chegou a ser suspenso por um mês, mas acabou sendo liberado pelo juiz em substituição da Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, Nélio Stábile. Ele revogou decisão do titular, Amaury Silva Kuklinski, que tinha proibido os interventores de realizar o financiamento.

Stábile alegou que a situação da Santa Casa mudou muito nos últimos cinco anos sob a intervenção da prefeitura da Capital. Ele destacou os investimentos de R$ 3,3 milhões na reforma da Unidade Renal, do Pronto Socorro, da Unidade Coronariana, entre outras obras.

A Santa Casa alegou que os R$ 14 milhões serão destinados para o pagamento de dívidas com fornecedores. Além disto, dará fôlego ao hospital para ter dinheiro em caixa, passar a adquirir os produtos à vista e com possibilidade de desconto.

Já a entidade mantenedora lamentou o endividamento do hospital. A Associação Beneficente espera reverter no Tribunal de Justiça a decisão de Stábile que a manteve afastada até o julgamento dos recursos. A sentença é favorável à devolução do hospital à instituição presidida por Esacheu Nascimento.

Ministério Público faz contrato de R$ 3 milhões com empresa de informática
O MP/MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) firmou contrato de R$ 3,3 milhões com a empresa Click Ti Tecnologia Ltda. Com validade de seis me...
Novos critérios definem morte encefálica e afetam doação de órgãos
O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou hoje (12) critérios mais rígidos para definir morte encefálica. A mudança nos procedimentos tem impacto...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions