A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/10/2016 16:00

Diminui número de acidentes no feriado em estradas federais de MS

Anny Malagolini
não foi registrada nenhuma morte em rodovias de domínio federal  (Foto: Marcos Ermínio)não foi registrada nenhuma morte em rodovias de domínio federal (Foto: Marcos Ermínio)

A violência nas estradas federais de Mato Grosso do Sul na 'semana do saco cheio', entre os dia 8 e 12 de outubro, teve queda em relação ao mesmo período do ano passado, mostra levantamento da PRF (Polícia Rodoviária Federal). Os acidentes com maior violência e que resultam em lesões graves e mortes foram os que tiveram maior redução.

No período da operação, não foi registrada nenhuma morte em rodovias de domínio federal no Estado, enquanto em 2015, oito pessoas morreram em decorrência de acidentes graves.
O número total de acidentes também teve queda; de 47 para 42 acidentes registrados durante o período comparativo.

As autuações por infrações de excesso de velocidade somaram 689 durante o feriado; as por ultrapassagens proibidas somaram 349; as por não uso do cinto de segurança 140 autuações, sendo 104 pelo não uso do equipamento pelos passageiros dos veículos fiscalizados; e 39 autuações por infrações relacionadas ao consumo de bebida alcoólica.

A gravidade dos acidentes está diretamente relacionada ao tipo do acidente, sendo a colisão frontal a com maior índice de letalidade, geralmente relacionadas a ultrapassagens mal sucedidas, alta velocidade e não utilização do cinto de segurança.

A Polícia Rodoviária Federal em Mato Grosso do Sul realizou fiscalização em pontos considerados sensíveis, projetando a segurança nas rodovias federais no estado. Foram priorizados pontos previamente levantados com maiores probabilidades de acidentes, levando em consideração a especificidade do trânsito em cada região.

Foram fiscalizados 4762 veículos e 4866 pessoas durante o período de 08 a 12/10 e realizadas abordagens educativas e “cinema rodoviário”, ações que visam a conscientização dos motoristas sobre a conduta no trânsito, além de mais de 1200 testes com “bafômetro”.

Operação - O trabalho foi intensificado com o emprego de policiais que exercem atividade administrativa, reforço na escala de serviço dos policiais das 22 Unidades Operacionais, 10 Delegacias, emprego de um helicóptero, radares fotográficos, etilômetros (bafômetros), policiais do Núcleo de Operações Especiais e todos meios disponíveis para proporcionar maior segurança com o aumento do fluxo de veículos.

Rondas ostensivas foram realizadas com abordagens em pontos estratégicos ao longo dos 3.671 km de rodovias federais no Mato Grosso do Sul, cujos resultados demonstraram uma redução significativa no número de acidentes em comparação com o mesmo período festivo do ano anterior.

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions