A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

17/05/2012 13:20

Dnit confirma Delta como vencedora de licitação de R$ 30 milhões

Aline dos Santos

Empreiteira está na mira de CPI no Congresso Nacional de investigação da CGU

Obra faz parte do programa de recuperação das estradas federais. (Foto: Minamar Júnior)Obra faz parte do programa de recuperação das estradas federais. (Foto: Minamar Júnior)

O Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) confirmou a Delta Construções como vencedora da licitação para obras na BR-163, no valor de R$ 30 milhões. A empresa é suspeita de irrigar o esquema do jogo ilegal liderado por Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

A empreiteira também está na mira de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) no Congresso Nacional e de investigação da CGU (Controladoria-Geral da União).

O resultado da licitação chegou a ser contestado pela CCM - Construtora Centro Minas Ltda, que apresentou o menor valor (R$ 27 milhões). Mas, hoje, a Delta foi confirmada como vencedora.

A licitação tinha valor máximo de R$ 35 milhões. No dia 15 de março, a Delta venceu, com proposta de R$ 30,9 milhões. A empreiteira apresentou a terceira melhor proposta, mas as outras duas empresas foram desclassificadas por não atenderem critérios do edital.

A obra faz parte do Crema 1ª etapa (programa de recuperação das estradas federais). O prazo de execução é de 720 dias.

Nos últimos anos, a Delta firmou contratos de R$ 164 milhões com o Dnit. Conforme relatório divulgado pela CGU, as obras são nas rodovias 158, 262, 267, 163. Já o governo do Estado teve dois contratos com a empresa, no valor de R$ 51 milhões.

A Construtora Delta recebeu R$ 27,8 milhões de emendas parlamentares de políticos de Mato Grosso do Sul. O valor corresponde a 48 emendas que a União empenhou para as obras, tocadas pelo Dnit.

Investigada - No último dia 25 de abril, foi criada a CPI do Cachoeira. A comissão aprovou a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico de Cachoeira desde o dia 1° de janeiro de 2002. A comissão investiga o envolvimento de Cachoeira e de seu esquema criminoso com políticos e empresários.

Emendas parlamentares destinaram R$ 27 milhões para a Delta em MS
Em todo o Brasil, a empresa foi contemplada com R$ 104 mi de recursos de emendas parlamentares desde 2009No centro de denúncias envolvendo o esquema...
Governo teve 2 contratos com a Delta, de R$ 51 mi, já encerrados segundo Agesul
A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) informou ao Campo Grande News que o Governo do Estado teve dois contratos firmados com a Del...
Na mira de CPI, Delta tem contratos de R$ 164 milhões para obras em MS
Na mira de uma CPI e suspeita de irrigar o esquema do jogo ilegal liderado por Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, a Construtora Delta reali...


É uma vergonha o que fazem com o dinheiro público, eu acho que os deputados deveriam fiscalizar mais o dinheiro do povo, que as empreiteiras e certos políticos fazem com nosso dinheiro, isso deveria mudar, dar mais chances para as pequenas empresas que querem trabalhar honestamente, só que não deixam participar das licitações públicas.
 
Volmar Antonio Miolla em 18/03/2013 20:02:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions