A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

28/05/2009 14:41

El Kadri vai concluir obra de hotel de luxo em dois anos

Redação

O Grupo El Kadri concluiu as negociações e bateu o martelo para adquirir a obra inacabada do Hotel Binder, esqueleto do prédio de um hotel de luxo abandonado há 18 anos no centro de Campo Grande. Além de pagar pelo prédio, a empresa assumirá os débitos com o Basa (Banco da Amazônia) e órgãos municipais e federais.

De acordo com o advogado Omar Kadri, o grupo assumirá a função de interveniente pagador nos 50 processos judiciais, sendo a maioria movido pela Prefeitura Municipal de Campo Grande.

A expectativa é concluir a obra do hotel de luxo, com 164 apartamentos e heliporto, em dois anos. O empreendimento, que surge com a missão de ser o primeiro cinco estrelas de Mato Grosso do Sul, deverá gerar 100 empregos diretos.

Antes de assinar o contrato, o El Kadri realizou estudo sobre a viabilidade da obra, abandonada desde 1991. As obras de conclusão do prédio vão recomeçar no segundo semestre deste ano.

Com 14.500 metros quadrados, conforme Omar Kadri, o hotel tem futuro porque Campo Grande tem um déficit de 2 mil leitos na rede hoteleira. Caso a Capital seja escolhida como subsede da Copa do Mundo de 2014 no Pantanal, a demanda será ainda maior.

O Hotel Binder é um problema antigo de saúde pública numa das áreas mais nobres de Campo Grande, na Avenida Afonso Pena, entre a Rua 14 de Julho e a Avenida Calógeras.

Inicialmente, o El Kadri pretendia transformar o prédio em materno-infantil. Como as negociações demoraram, o grupo adquiriu outra área para instalar a unidade e decidiu retomar o projeto original de hotel de luxo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions