A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019

15/08/2019 09:50

Na educação e inclusão profissional, 116 são convocados pela Prefeitura

Selecionados no Proinc e no concurso para assistente educacional inclusivo devem levar documentação para ocupar vagas

Izabela Sanchez
Trabalhadores do Proinc auxiliam moradores em loteamento de Campo Grande (Foto: Arquivo/Campo Grande News)Trabalhadores do Proinc auxiliam moradores em loteamento de Campo Grande (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

A Prefeitura de Campo Grande publicou, nesta quinta-feira (15), a convocação de 116 pessoas, entre aprovados na seleção do Proinc (Programa de Inclusão Profissional) e no concurso de assistente educacional inclusivo. Os aprovados devem levar a documentação exigida na Funsat (Fundação Social do Trabalho) e no Espaço de Formação Lúdio Martins Coelho, respectivamente.

No Proinc, 37 pessoas foram chamadas para vagas de orientador de instalações elétricas prediais, orientador de construção civil, instrutor para concursos de eletricista e auxiliar de eletricista, instrutor para o curso de auxiliar de encanador e instrutor para o curso de carpinteiro.

Os convocados também foram aprovados para os serviços de instrutor para o curso de pedreiro, instrutor para o curso de pintor, instrutor para o curso de servente de pedreiro e instrutor para o curso de azuleijista. Os horários para comparecimento na Funsat estão discriminados na publicação em Diário.

Além do Proinc, 79 aprovados no concurso para assistente educacional inclusivo foram chamados nesta quinta-feira. O processo seletivo foi criticado por exigir nível médio, acabou alterado, mas a demissão de professores contratados para o trabalho gerou protesto.

A seleção visa contratar 200 profissionais para auxiliar pessoas com deficiência no processo de aprendizado e socialização das escolas municipais. O regime de trabalho é de 40 horas, pelo período de 12 meses e com salário de R$ 1.950,00.

Entre as exigências, o profissional ficará responsável por organizar as estratégias e os recursos a partir das necessidades específicas descritas no estudo de caso do aluno. Assim, cada aluno terá plano educacional individualizado, feito pelo assistente, com base no planejamento do professor regente.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions