A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

03/12/2010 17:09

Esquema de presos do semiaberto e aberto é desmantelado em MS

Fernanda França

A Agepen (Agência de Administração do Sistema Penitenciário) e a Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) desmantelaram ontem esquema de presos do sistema aberto e semiaberto. Eles tinham autorização para trabalhar fora do presídio, geralmente em serviços de limpeza de terrenos, mas burlavam o sistema subornando supervisores, aproveitando o tempo para fazer outras atividades.

Três presos foram identificados e preventivamente isolados. A Agepen solicitou à 2ª Vara de Execuções Penais a regressão dos internos para o regime fechado.

A agência está investigando que atividades eram essas e caso sejam atividades criminais estes presos serão punidos. O envolvimento de terceiros neste esquema também está sendo apurado.

Os nomes dos três presos não foram revelados para não atrapalhar as investigações.

O secretário de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, determinou que seja feito um reforço na fiscalização dos convênios de trabalho firmados pelas dezoito unidades prisionais em Mato Grosso do Sul, onde existem cerca de 2.093 detentos nesses regimes.



É DURO ESTA FISCALIZAÇÃO, TEM POR AI, PESSOAS ESPECIALIZADAS EM ARRUMAR ATÉ CARTA DE EMPREGO FALSA PARA PRESOS, ESSA É A REALIDADE
ELES SAEM, E FAZEM BARBARIDADES NAS RUAS DE NOSSAS CIDADE, VAMOS POR UM NISSO.
 
CARLOS R TEIXEIRA em 07/12/2010 08:27:20
Não é só o Sistema Penitenciário que vem tendo caos, os valores MORAIS há muito foram deturpados, os Direitos Humamos age frente aos que causam danos à sociedade, a inversão de valores são proeminentes na sociedade, a malandragem age dentro dos seus conceitos, retirando dos "Profissionais" que os vigiam a psêdo integridade; afinal há pessoas que invés de Valores tèm preço; ainda mais dentro de um funcionalismo público que os sálarios são verdadeiras cómedias financceiras, gerando conflito entre teoria e pratica politíca, socio-educativa e poraí afora.
 
Ana em 05/12/2010 09:36:57
Necessitamos com urgencia de uma ampla reforma na legislação que regula o Sistema Penal Brasileiro. Vamos dar um basta nisso. Vamos criar condiçôes para que estes detentos possam trabalhar sem se ausentar dos presidios. Vamos criar marcenarias e outras micro industrias acopladas às unidades penais e que tenhamos um acompanhamento mais proximo desses presos para somente retornarmos à população aqueles que estejam realmente aptos para a reitegração à sociedade. Vamos evitar casos como o do assassino dos meninos em Goiás. Vamos melhorar as ações policiais e nesse momento render homenagem ao processo desencadeado no RJ. Que os detentos sejam punidos por seus crimes, mas não condenados pela inercia e inoperancia do estado. Viva o Brasil que sonhamos para os nossos netos. Livre, Próspero e Soberano.
 
Josue Ratier de Souza em 03/12/2010 11:26:24
Será??? Tenho lá minhas dúvida. Pra mim teria que trancar esse povo, e jogar a chave fora.
 
Marcelo Max em 03/12/2010 08:07:32
Já não era sem tempo. Foi necessário que uma equipe de TV viesse à cidade para que isso acontecesse.
 
Gustavo Dias em 03/12/2010 06:28:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions