ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 34º

Cidades

Estado de exceção no Paraguai não atrapalha viagens

Redação | 01/05/2010 13:02

O estado de exceção em cinco departamentos (estados) paraguaios não impede ou dificulta os turistas brasileiros que pretendem viajar pelo país. Basta ter em mãos os documentos pessoais e o cartão de ingresso, retirados nos postos alfandegários da fronteira.

De acordo com o Consulado do Paraguai em Campo Grande, o estado de exceção decretado pelo presidente Fernando Lugo apenas garante a segurança e não causa transtornos.

Preocupado com a viagem da mãe e do avô até Assunção, capital do Paraguai, Juan Raphael Martinez tinha dúvidas de como viajar pelo país vizinho: "Meu avô e minha mãe precisam ir a Assunção para uma reunião, qual o procedimento que devem tomar para que possam ir, ou não existe nenhuma alternativa?", indagou.

O consulado ressalta que os viajantes devem ter o RG original e solicitar o cartão de ingresso na alfândega paraguaia. Caso for dirigir, o turista deve portar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Na saída do país, é necessário mostrar o cartão de ingresso novamente.

De acordo com o governo paraguaio, o objetivo do decreto do estado de exceção é a captura de membros do EPP e dos demais grupos organizados de criminosos ligados ao tráfico de drogas, roubos, sequestros, extorsões e assassinatos. As outras ações consistem em impedir a expansão territorial para as demais áreas do país.

Nos siga no Google Notícias