A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

17/05/2015 12:39

Estado fecha Caravana da Saúde, com 50 mil procedimentos em Ponta Porã

Leonardo Rocha e Helio de Freitas, de Ponta Porã
Governador ressaltou que Caravana vai passar, mais as cidades terão legado para não se formar fila da vergonha (Foto: Divulgação - Facebook)Governador ressaltou que Caravana vai passar, mais as cidades terão legado para não se formar fila da vergonha (Foto: Divulgação - Facebook)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) participou nesta manhã (17), do encerramento da segunda edição da Caravana da Saúde, que foi realizado no município de Ponta Porã, para atender pacientes de toda região, que inclui oito cidades. Foram realizados 50 mil procedimentos de saúde, com 2, 2 mil cirurgias de catarata, 9 mil atendimentos e 180 cirurgias hospitalares.

Nesta segunda edição, as atividades começaram no dia 29 de abril e se ainda vão se estender depois deste domingo (17), já que existem alguns procedimentos e atendimentos a serem finalizados. Os procedimentos ocorreram na estrutura montada no Centro Internacional de Convenções Miguel Gomez, além das cirurgias ortopédicas, ginecológicas e gerais nos hospitais regionais de Ponta Porã e Amambai.

O governador ressaltou que o mais importante é que após a Caravana passar pelo município, fique um legado na cidade de Ponta Porã, por se tratar de uma referência regional. “Não adianta vir a Caravana, ir embora e depois ser formada novamente uma fila da vergonha”, disse o tucano, que garantiu que haverá apoio nas unidades de saúde da região por parte do governo estadual.

Legado - Reinaldo ponderou que o Hospital Regional de Ponta Porã foi equipado para que dez leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) sejam ativados, já que no momento não há nenhum que funcione, tanto que os pacientes precisam ser transferidos para Campo Grande ou Dourados. Entre os equipamentos estão: dois aparelhos de ultrassonografia, raio-x digital, tomógrafo, e endoscopia.

Para este procedimento (endoscopia), 400 pessoas estavam esperando, sendo que apenas nesta semana 110 atendimentos foram feitos para esta finalidade. “Queremos levar dignidade para as pessoas, que estão cansadas de esperar por atendimento, vou administrar com o plano de governo debaixo do braço, a população não quer mais promessas que não são cumpridas”, disse ele.

Reinaldo ainda revelou se continuasse no “ritmo” das gestões anteriores, teria que se levar 10 anos para zerar a fila no Estado, e que o objetivo do Governo é realizar 18.700 cirurgias para atender pessoas que estão até a há 15 anos esperando.

Um dos destes exemplos, Manoel Barbosa Filho, esperou por 15 anos para fazer sua cirurgia de catarata, ele fez questão de agradecer a todo equipe que o atendeu muito bem. Fermina Vargas, de 54 anos, estava esperando por três meses para fazer um exame de coração e também foi atendida pela Caravana da Saúde.

Parceiros – Além dos procedimentos de saúde, o Governo contou com 36 parceiros que contribuíram em outras áreas para população, entre elas a Justiça Itinerante que realizou 70 casamentos na cidade, inclusive tendo casal que oficializou o ato a rigor, com o noivo de terno e gravata e a noiva com vestida de branco.

Foi também firmado uma parceria com a Defensoria Pública, através de uma assinatura, para que esta seja parceira do Governo Estadual nas próximas edições da Caravana da Saúde. Sendo que a 3° edição da Caravana, que será em Três Lagoas, irá acontecer na primeira quinzena de junho.

Entrega - O governador ainda aproveitou o evento para fazer a primeira entrega dos uniformes e kits escolares da rede estadual de ensino, onde serão 600 mil camisetas, 300 mil kits, para 265 escolas de Mato Grosso do Sul.

Reinaldo explicou que só começou a ser entregue este material em maio, porque não havia recursos e procedimento estabelecido pela gestão anterior e que para garantir que em 2016, seja entregue tudo no começo do ano, haverá uma licitação aberta já em agosto deste ano.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions