A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/07/2009 11:20

Estado libera R$ 480 mil para Assomasul "vigiar" Funai

Redação

O Governo do Estado irá repassar R$ 480 mil para a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) acompanhar os estudos antropológicos feitos da Funai (Fundação Nacional do Índio) e custear despesas judiciais relacionadas ao tema. O dinheiro irá pagar advogados, dinheiro com passagens e antropólogos.

Contrária ao estudo antropológico da maneira como começou a ser feito, a associação que representa os prefeitos quer defender o interesse dos 26 da área sob estudo.

Conforme o diretor-executivo da Assomasul, Sebastião da Silva, o acompanhamento foi acordado com a própria Funai. Já os recursos do convenio serão repassados às 26 prefeituras.

Quando o assunto é demarcação, Assomasul, Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) e Governo do Estado têm falado a mesma língua, condenando a forma com que os estudos antropológicos foram iniciados, sem o acompanhamento dessas entidades.

Na publicação do Diário Oficial desta quarta-feira, o texto do convênio diz que o objetivo é implementar "medidas que visem à harmonização da questão indígena". O documento é assinado pelo Secretário de Estado de Governo, Osmar Domingues Jeronymo, e pelo presidente da Assomasul, Beto Pereira.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions